ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 29º

Capital

População dorme na fila para fazer teste de covid, mas muitos saem sem conseguir

Segundo Sesau, são distribuídas apenas 300 senhas por período por causa da capacidade operacional

Por Lucia Morel | 23/01/2022 08:10
Pessoa dorme no chão à espera de senha para fazer teste de covid-19. (Foto: Direto das Ruas)
Pessoa dorme no chão à espera de senha para fazer teste de covid-19. (Foto: Direto das Ruas)

População madruga na fila para tentar realizar teste de detecção de covid-19 em Campo Grande. Na Central de Testes na Rua Barão do Rio Branco, em frente à Praça do Rádio Clube, havia pessoas desde às 3 horas à espera de senha. O local começa a atender às 7h30.

Segundo leitora que procurou o local, ela chegou às 4h15 e já havia gente na fila. Pessoas até dormiam no chão mesmo para garantir a possibilidade de fazer o exame. “Eu cheguei 4h15, mas já tinham umas 100 pessoas na frente e gente dormindo no chão até”, contou, sem querer ter o nome divulgado.

Ela lamentou o comportamento de alguns que não respeitavam o distanciamento, nem o uso de máscaras. “Tinha um senhorzinho idoso lá. Ele não estava de máscara e a gente não tem autoridade para falar, né? E pessoal todo tossindo, espirrando”, reclamou.

Outro problema, segundo ela, foi a quantidade de pessoas que precisou ir embora, porque as senhas distribuídas foram limitadas. “Tinham mais de mil pessoas na fila, mas só distribuíram 300 senhas e dispensaram o pessoal. Todo mundo foi embora e só vão liberar mais senhas à tarde”, disse.

Ela conseguiu fazer o exame, que deu negativo, mas comentou que a falta de organização na espera pode estar fazendo mais vítimas. "Uma amiga também conseguiu fazer e deu negativo, mas uma senhora que estava logo atrás dela, deu positivo. É um risco. Quem não está doente, pode ficar saindo de lá", lamentou.

Conforme a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), são distribuídas apenas 300 senhas por período por causa da capacidade operacional e de acomodação no espaço. “Não é possível acomodar mais de 600 pessoas de uma só vez, uma vez que é necessário que haja um controle de ocupação e distanciamento a fim de evitar aglomeração”.

A pasta afirma que as senhas vão sendo liberadas à medida em que os atendimentos vão sendo realizados e vão dando vazão ao público no interior da central. Em nota, a secretaria informou ainda que além do Centro de Testagem, há mais sete unidades de plantão oferecendo os exames neste domingo.

Direto das Ruas - O vídeo chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão. 

ara que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos sejam feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias