A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

10/04/2014 17:47

PF prendeu cinco por recorrer a fraude para fazer saque na Caixa

Bruno Chaves
Detidos foram levados à sede da Polícia Federal em Campo Grande (Foto: Cleber Gellio)Detidos foram levados à sede da Polícia Federal em Campo Grande (Foto: Cleber Gellio)

A Polícia Federal prendeu mais três pessoas suspeitas de integrarem uma quadrilha que tentou dar um golpe na agência da Caixa Econômica Federal da Avenida Eduardo Elias Zahran, em Campo Grande. Ao todo, quatro homens e uma mulher estão na Superintendência da Polícia Federal para prestarem depoimentos.

Três deles foram detidos dentro da agência e os outros dois nas imediações da avenida. O último foi pego pela polícia dentro de um ônibus do transporte coletivo próximo a uma farmácia da Rua Coronel Sebastião Lima.

Até o momento, foi constatada a participação de dois deles, um corretor de imóveis e um vendedor ambulante. Os dois serão indiciados por posse e porte de documentos falsos. O grau de responsabilidade de todos ainda é avaliado pelo delegado.

Golpe – Conforme a Polícia Federal, a tentativa de golpe da quadrilha foi descoberta pelo Cartório de Títulos e Protestos da cidade de Rochedo, a 74 quilômetros de Campo Grande, no dia 8 de abril.

Uma funcionária do local estranhou o fato de três pessoas requererem uma procuração específica para a retirada de um cartão magnético da agência da Caixa Econômica que fica na Avenida Zahran. Para ela, as assinaturas apresentadas não eram da mesma pessoa.

O cartório acionou a Polícia Civil local que, por sua vez, comunicou o fato à Caixa Econômica Federal. No momento em que os golpistas tentaram sacar o valor no banco, o gerente acionou a Polícia Federal que conseguiu efetuar a prisão do grupo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions