A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

18/01/2011 08:53

Polícia apreende mais de R$ 1 milhão em notas falsas

Aline Queiroz

Foram encontradas cédulas de R$ 100,00, R$ 50,00, R$ 20,00 e R$ 10,00

Policiais do 10º BPM apreenderam mais de R$ 1 milhão em notas falsas de R$ 100,00, R$ 50,00, R$ 20,00 e R$ 10, que estavam no bagageiro de um ônibus da empresa Andorinha, itinerário Corumbá – São José dos Campos (SP).

As notas foram encontradas em fiscalização de rotina feita no terminal rodoviário de Campo Grande às 23h30 de ontem.

Segundo a PM (Polícia Militar), os policiais desconfiaram do peso de uma mala e, quando pediram para a passageira abrir, encontraram as cédulas falsas.

A mala pesava 12 quilos, conforme a Polícia.

A boliviana Reveba Tinini, 35 anos, dona da bagagem, disse que levaria as notas a São Paulo, onde participaria de uma tradicional festa do país de origem.

Ela foi encaminhada à sede da PF (Polícia Federal) e, como as notas eram produções grosseiras, a Polícia enquadrou a boliviana em crime de menor potencial ofensivo, já que não era intenção colocar as cédulas falsas no mercado.

Reveca foi liberada a seguir viagem.

Dinheiro estava com boliviana, que foi liberada.Dinheiro estava com boliviana, que foi liberada.
Prefeitura e TJ prorrogam renegociação de dívidas ajuizadas até 3ª
O programa de refinanciamento de dívidas da Prefeitura de Campo Grande foi prorrogado até o dia 19 de dezembro, a próxima terça-feira, no Centro de C...
Homem tem corpo queimado em acidente doméstico e morre na Santa Casa
Após dois dias internado, José Loureiro da Cruz, 49 anos, morreu por volta das 6h30 desta sexta-feira (15) na Santa Casa em decorrência de acidente d...


Parabens para a policia....
Isso é brincadera...
 
Fabio Machado em 19/01/2011 09:50:48
Não entendi! se uma pessoa tem em seu poder 1 milhão em notas falsas e não vai distribuir no mercado, pra que esta com as notas então? liberada? essa mulher teria que ser presa e julgada.Tem água nesse angú, ahhhhhh si tem.
 
Rita Saravy em 19/01/2011 09:18:06
Como é o processo de avaliação das notas falsas, se é produção grotesca, ela é falsa, não foi o Banco Central quem confeccionou, portanto a Lei não deve ser branda para ninguém, a sra. Reveca deve abrir o jogo e dizer quem pagou-a para transportar as notas falsas, se acontecerá uma festa em São Paulo, alguem está esperando pela encomenda não é verdade, vamos investigar? Parabéns para o 10º BPM e a todos os policiais.
 
Loenir Gomes de Arruda em 18/01/2011 11:44:39
Se não era para colocá-las no mercado (distribuí-las) para que eram então????
Vai vc "brasileiro" fazer isso no exterior!!!! Será que não era só a qualidade que não era boa...mas a intenção era a das melhores (obter vantagens) !!!! A PF deveria ter era prendido em flagrante essa mulher...e deixado a justiça decidir....delegado tem é que prender e o juiz é que deve julgar...
 
laercio souza em 18/01/2011 11:36:51
O nosso Terminal Rodoviário de Campo Grande-MS não permite fazer registros fotográficos. Fui barrado quando estava a esperar alguns parentes naquele local. Estranho este tipo de proibição sem placas que oriente os usuários, visitantes ou quem por alí vá conhecer.
 
Ezio José em 18/01/2011 08:57:33
Meu Deus!
Por que uma pessoa anda com notas falsas? Será que é para ser usada na hora de ir ao banheiro? Uma mulher se habilita em transportar mais de um milhão falsificado e as autoridades a enquadram em crime de menor potencial, e para acabar de piorar a liberam como se nada tivesse acontecido, isso é vergonhoso! Vale ressaltar a competência dos policiais quanto à apreensão, mas as coisas não podem continuar assim, como se fosse simples de mais...
 
Lucas Andrade em 18/01/2011 01:17:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions