A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

14/11/2017 16:45

Quartel dos bombeiros vai atender 12 bairros e desafogar região do aeroporto

Guilherme Henri e Kleber Clajus
Governador Reinaldo Azambuja, secretario de segurança João Carlos Barbosa e autoridades durante solenidade (Foto: Kleber Clajus)Governador Reinaldo Azambuja, secretario de segurança João Carlos Barbosa e autoridades durante solenidade (Foto: Kleber Clajus)

O governador do Estado Reinaldo Azambuja entregou na tarde desta terça-feira (14) o 2º Subgrupamento do Corpo de Bombeiros que irá atuar na região da Vila Palmira, em Campo Grande.

A unidade está localizada na avenida Júlio de Castilho e conta com 30 militares, uma viatura de salvamento e outra de resgate.

Além, de atender pelo menos 12 bairros, o subgrupamento ainda irá desafogar o trabalho da unidade que atua dentro do Aeroporto Internacional de Campo Grande, que antes se desdobrava no atendimento as regiões.

O chefe de executivo estadual destacou que além da unidade o Governo do Estado ainda entregou equipamentos de proteção individuais no valor de R$ 135 mil. “As compras realizadas na atual gestão são as maiores em 40 anos desde a divisão do Estado. Os kits que entregamos antes eram usados coletivamente e agora cada bombeiro terá o seu”, destacou Reinaldo.

Azambuja ainda lembrou que autorizou a abertura de um novo concurso com 200 vagas para o Corpo de Bombeiros. “Além do subgrupamento também fizemos a aquisição de viatura escada magirus – para salvamento em prédios -, que equivale a 25 viaturas. A importamos da Alemanha e ela deve chegar em 10 meses”, completa o governador.

O titular da Sejusp (Secretaria de Estado de Segurança Pública), João Carlos Barbosa, disse que o objetivo foi o trazer o efetivo dos bombeiros mais próximo das pessoas e assim reduzir o tempo resposta de ocorrências. “Somente nesta gestão entregamos 164 viaturas a corporação”, disse.

A unidade será comandada pelo primeiro tenente Eduardo Tracz e segundo ele, a média de ocorrências na região é de 15 ao dia. “Com a divisão entre esta unidade e a do aeroporto poderemos concentrar os atendimentos nesta demanda”, afirma.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions