A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

13/04/2014 21:08

Recém-nascido teria morrido afogado com leite em hospital da Capital

Helton Verão

Um bebê morreu na última quinta-feira (10) no Hospital Regional na Capital com enfisema pulmonar, de acordo o laudo da autopsia do local. Mas a família e Avem-MS (Associação das Vítimas de Erros Médicos de MS), desconfiam que recém nascido pode ter vindo a óbito por ter se afogado com leite, o que pode ser resultado de um erro médico.

A mãe, Eliane Botelho de Moura estava com 38 semanas e havia planejado um parto normal. Por problemas de pressão alta, os médicos a recomendaram a cesariana. “A mãe estava em uma maca sem proteção lateral, sob efeitos da anestesia da cirurgia e ainda colocaram a criança para mamar. Ela não tinha condições de ficar acordada e muito menos para fazer a o bebê arrotar, trabalhamos com a hipótese de que o leite foi para o pulmão do bebê”, ressalta o presidente da Avem-MS, Valdemar Moraes de Souza, explicando que uma enfermeira deveria estar de prontidão para a mãe e a criança.

De acordo com a Avem-MS, o pai da criança que ficou inconsolável com a morte do filho, acabou assinando um documento que autorizava o hospital Regional a fazer a autopsia. “A partir daí eles não queriam que o corpo da criança fosse levado ao IML com receio de que descobrissem o verdadeiro motivo da morte, queriam entregar somente na segunda-feira”, conta Valdemar

A família segue recebendo apoio da Avem-MS, que registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil, que somente assim, de acordo com Valdemar, liberaram o corpo. “O delegado deu ordem para o corpo ficar retido no IML para avaliar o motivo da morte. Se estiver faltando alguma parte do corpo da criança, os médicos e enfermeiros do hospital Regional poderão ser incriminados”, avisa.

O Campo Grande News tentou o contato com a família do bebê, mas ainda muito abalados pediram para não falar hoje. Como recebemos a denuncia no período da noite deste domingo, também não conseguimos o contato com o Hospital Regional.

Denúncias sobre possíveis erros médicos podem ser feitas pelo telefone: (67) 3362 1375.

Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...
Universidade do MS recebe certificação de excelência em gestão
Será recebida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) em solenidade que acontece na próxima segunda-feira (18) o certificado de excelência em ges...
Águas Guariroba continua com campanha de renegociação de dívidas
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...
Prefeitura e TJ prorrogam renegociação de dívidas ajuizadas até 3ª
O programa de refinanciamento de dívidas da Prefeitura de Campo Grande foi prorrogado até o dia 19 de dezembro, a próxima terça-feira, no Centro de C...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions