A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

26/08/2011 08:57

Taxista é baleado com 2 tiros na cabeça após corrida na saída de show

Paula Vitorino
Taxista foi baleado após corrida. (Fotos: Simão Nogueira)Taxista foi baleado após corrida. (Fotos: Simão Nogueira)
Sandália de mulher foi encontrada dentro de táxi. Sandália de mulher foi encontrada dentro de táxi.

O taxista Daniel Manoel Dudu foi baleado com dois tiros na cabeça por volta das 6h desta sexta-feira (26), no Jardim Nascente do Segredo. Segundo os companheiros de trabalho, ele voltava de uma corrida na saída de show no Morenão.

Dudu foi encontrado por moradores caído ao lado do táxi, na Rua Gastão, em frente a um terreno abandonado. O Corpo de Bombeiros foi acionado e levou o taxista para o posto de saúde Coronel Antonino, mas devido a gravidade dos ferimentos ele acabou transferido para a Santa Casa.

Policiais militares encontraram uma sandália feminina no banco do passageiro da frente e suspeitam que seja de mulher envolvida no crime. Mas os indícios são de que mais pessoas estavam no táxi no momento dos disparos.

A Polícia acredita que Dudu pegou os passageiros no show e ao chegar no lugar deserto foi assaltado. Possivelmente o taxista resistiu e foi baleado.

Os vizinhos do local onde o Dudu foi encontrado dizem que estavam dormindo durante o assalto e só ouviram os dois disparos. Nenhum suspeito foi visto ou identificado até o momento. A PM realiza rondas para encontrar os suspeitos.

Perigo - Dudu é taxista há 20 anos, segundo os companheiros de trabalho, e fica no ponto da Maternidade Cândido Mariano. Nesta madrugada ele e outros companheiros foram para a frente do show aproveitar o fluxo de passageiros no local.

Um taxista, que não quis se identificar, conta que passou por Dudu nas proximidades do Morenão momentos antes do assalto e os dois se cumprimentaram, mas não foi possível enxergar os passageiros.

“A gente tem costume de se encontrar e cumprimentar. Justamente por ser de madrugada e pra evitar esse tipo de coisa. Mas não pra ver os passageiros, com o vidro fechado não dá pra ver”, diz.

O mesmo taxista afirma que outros dois motoristas que trabalhavam no show foram assaltados nesta madrugada. “A gente presta um serviço para a comunidade, porque a maioria das pessoas nestas festas bebe e não pode dirigir, e é isso que recebemos”, denuncia.

Ele afirma que os taxistas são reféns da violência e não tem o que fazer diante de uma ameaça de assalto. “A gente pega o passageiro, não sabe quem é, aí o cara coloca uma arma na sua cabeça e manda ir para um lugar deserto, você vai, o que pode fazer? Esses vagabundos não estão pensando se a gente tem família”, diz revoltado.

Dudu é casado e pai de cinco filhos. Ele está internado na Santa Casa em estado grave.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


Cada dia e crescente crimes hediondos contra vida por banalidade,ainda alguns setores da sociedade civil e organizada não acordam ou melhor pagam para ver esse tipo de crime. adolescentes envolvidos e violencia sexual,pais omissos que alegam falta de controle na educação dos filhos principalmente na educação e disciplina das meninas adolescentes. MEUS SENTIMENTOS AOS FAMILIARES DESSE TRABALHADOR QUE ESTAVA DEFENDENDO SEU PÃO DO DIA A DIA.
 
paulo henrique em 26/08/2011 12:49:10
Na verdade temos que colocar cameras em todos os TAXI de Campo grande principalmente nas ruas do centro.
 
Luciano Rosa em 26/08/2011 12:47:11
Lamentavel, o taxista veio a falecer. E agora agente jaa sabe o q vai acontecer com esses adolescentes "NADA". è vergonhoso, entraram no show armados, olha o risco q outras pessoas correram
 
maria de fatima em 26/08/2011 12:45:26
È muito triste perceber que a vida de um ser humano não tem valor algum para determinados delinquentes que estão dispostos a qualquer ato insano por qualquer trocado que possa bancar seu vício.
 
Erika Costa em 26/08/2011 11:41:07
Lamentavel...triste...saber que um pai de familia que não mede esforços para ganhar o pão de cada dia, que trabalha sem parar inclusive nas madrugadas, acaba sendo vitima de marginais que não querem nada na vida a não ser deixar rastros de tristeza para familias inteiras.. Pedimos a Deus que o taxista saia dessa com vida para que possa ver seus filhos crescerem!!!!!!
 
Cleide Castro em 26/08/2011 11:12:19
Tenho lido várias notícias de taxistas assassinados pelos passageiros, isto é muito triste.
Eu creio que se os taxistas deveriam todos ter celular, e só fazerem carretos para pessoas conhecidas, distribua o cartãozinho com o nome e o número do celular, para um número de amigos e conhecidos confiáveis, pessoas que tem certeza que não os farão mal.
Não façam corrida para estranhos, tomam cuidado!
Se desconfiarem de alguem, diga que já está contratado para outra corrida.
É preferivel ganhar menos do que ser morto.
Existem pontos bons, com menos perigo, como hotéis, hospitais, etc.etc.
 
Maria Helena em 26/08/2011 10:37:47
É um absurdo o que vem acontecendo,ser taxista é uma profissão muito perigosa, pois não se pode confiar nas pessoas, desse jeito o que cabe aos taxistas é se unirem e pensar numa alternativa para diminuir essa violência, talvez fazer uma revista antes, passar detector de metais, algo assim; o que não pode é continuar acontecendo isso; afinal ser taxista é um trabalho digno como qualquer outro e exige o nosso respeito e consideração.
 
Ana Paula Fenelon em 26/08/2011 09:58:53
Este senhor tem toda razão : tem muito vagabundo solto em Campo Grande.
A policia prende e a justiça solta, como a nossa lei é protecionista ao bandido ele acha que pode fazer o que quiser que não dá praticamente em nada. E sabe de uma coisa ? Eles têm razão !!!! A lei vale muito mais para o cidadão de bem do que para o bandido.
Uma pena
 
jose antonio batista em 26/08/2011 09:48:53
Como a gente se entristece de ler uma noticia dessa pai de familia para ajudar no sustento acaba acontecendo uma barbaridade dessas q Deus ilumine esse trabalhador...
 
jussara dias em 26/08/2011 09:37:49
Que monstuosidade.... o cara trabalhando e esses VAGABUNDOS, verdadeiros marginais fazem uma coisa dessa.
Estou torcendo, para que a vítima saia vivo e sem sequelas, desse incidente criminoso.
Pilantras com a cara cheia de todo tipo de DROGAS, covardes....Espero que a polícia pegue esses DELINQUENTES, parece ter as drogas dos DIMENOR envolvidos nesse crime barbaro.
Boa Sorte a esse trabalhador, que Deus preserve essa vida.
 
neyde de oliveira em 26/08/2011 09:25:59
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions