A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Janeiro de 2019

06/11/2018 17:50

Cartas para o Papai Noel dos Correios podem ser adotadas a partir do dia 19

A campanha nacional foi lançada nesta terça-feira, mas no Estado chega na manhã do dia 19 de novembro

Geisy Garnes e Anahi Gurgel
No ano passado mais de 16 mil cartinha foram cadastradas (Foto: André Bittar/ arquivo)No ano passado mais de 16 mil cartinha foram cadastradas (Foto: André Bittar/ arquivo)

A partir do dia 19 de novembro moradores de todas as cidade de Mato Grosso do Sul poderão procurar as agências dos Correios para adotar cartinhas de natal enviadas por crianças de todo o Brasil ao Papai Noel.

Nacionalmente, a campanha, uma das principais desse período, foi lançada nesta terça-feira (6), mas em Mato Grosso do Sul isso só acontece às 8h30 do dia 19 de novembro, na Agência Central dos Correios, localizada na Avenida Calógeras, em Campo Grande.

A meta deste ano é cadastrar mais de 16 mil cartas em todo o Estado, mantendo assim o número de participantes de 2017. No ano passado foram adotadas 14.106, ou seja, 87% das 16.146 mil cartas enviadas ao Papai Noel dos Correios - percentual maior que a média nacional, que foi de 81%.

A campanha começou por iniciativa dos próprios empregados e se consolidou, ao longo dos últimos 29 anos, como uma das maiores campanhas natalinas e uma das principais ações de responsabilidade social dos Correios.

A adoção na campanha é feita da mesma maneira em todo o Brasil. As cartas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas. Para ser um padrinho ou madrinha, basta ir em uma agência, escolher uma carta e depois entregar o presente na mesma unidade, para que posteriormente a entrega seja feita no próprio fluxo postal pelos Correios.

Não é permitida a entrega direta do presente. Para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança não é informado ao padrinho. Nos últimos três anos, foram recebidas mais de 2,6 milhões de cartas destinadas ao Papai Noel dos Correios em todo o Brasil.

Desde o ano passado, sete cidades brasileiras podem fazer adoção de cartas on-line. O benefício é oferecido apenas para moradores de Belém, Cuiabá, Goiânia, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions