A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

14/01/2014 19:01

Cresce apreensões de drogas e armas na fronteira de MS

Bruno Chaves

Relatório preliminar da Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública) do Ministério da Justiça, divulgado nesta terça-feira (14), revela que as apreensões de drogas, armas e veículos roubados na fronteira de Mato Grosso do Sul com países vizinhos cresceu de 2012 para 2013. O comparativo foi feito entre os meses de janeiro e outubro dos dois anos.

A apreensão de drogas cresceu 0,3% de um ano para outro, 63,7 toneladas em 2012 para 64 toneladas em 2013. Há dois anos, 479 armas de fogo foram retiradas de circulação da fronteira. No ano passado foram 502 armas apreendidas. O aumento é de 4,8%.

O número de veículos recuperados na fronteira também cresceu de um ano para outro. Entre janeiro e outubro de 2012, as polícias encontraram 353 veículos com registros de furto ou roubo. Em 2013, essa quantidade subiu para 359.

Para o Ministério da Justiça, os dados refletem as ações da Enafron (Estratégia Nacional de Segurança Pública nas Fronteiras), que desde 2009 já investiu mais de R$ 324 milhões em ações como capacitação dos profissionais de segurança pública, estruturação de unidades especializadas (rodoviárias, fluviais e lacustres), monitoramento, controle fronteiriço e implantação de sistemas de radiocomunicação digital e videomonitoramento na fronteira.

Brasil – Conforme a assessoria de imprensa do Ministério da Justiça, as apreensões de drogas nas faixas de fronteira de todo o Brasil aumentaram de 68 toneladas, em 2012, para 87 toneladas, em 2013.

As apreensões de drogas nos estados, não considerando só as regiões fronteiriças, também registraram elevação de 92 toneladas, em 2012, para 136 toneladas, em 2013. A quantidade de armas de fogo apreendidas saltou de 5.193 para 5.831 no comparativo.

Já as ações de enfrentamento e repressão ao roubo e furto de veículos foram intensificadas, gerando um crescimento no número de veículos recuperados. Foi de 3.717 para 5.680.

A atuação da Enafron é dividida entre as regiões fronteiriças Norte, Central e Sul, nos estados do Acre, Rondônia, Amazonas, Roraima, Amapá, Pará, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions