A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

25/06/2013 21:58

Depois de pressão popular, Câmara rejeita PEC 37

Iolando Lourenço e Ivan Richard, repórteres da Agência Brasil

A pressão das manifestações populares das últimas semanas, em todo o país, resultou hoje (25) na derrubada da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 37, que limitava os poderes de investigação do Ministério Público. Aprovada na Comissão de Constituição e Justiça e na comissão especial que analisou o mérito, a proposta foi rejeitada por 430 votos a favor, 9 contrários e 2 abstenções. Com a rejeição, a PEC vai ao arquivo.

Logo após a rejeição da PEC, as centenas de pessoas que acompanharam a sessão das galerias da Câmara, cantaram um trecho do Hino Nacional. Os manifestantes, em sua maioria representantes do Ministério Público e agentes da Polícia Federal, aplaudiram todos os encaminhamentos favoráveis à rejeição da proposta.

A derrubada da PEC 37 era uma das principais bandeiras dos movimentos populares que têm tomado às ruas de várias cidades brasileiras e do exterior. Por definir que o poder de investigação criminal seria restrito às policias Federal e Civil, a proposta foi considerada como “PEC da impunidade”.

Por duas vezes, o presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), apelou para que a rejeição fosse unânime a fim de que a Casa ficasse em sintonia com o clamor das ruas. Autor da PEC, o deputado Lourival Mendes (PTdoB-MA) foi o único a defender a aprovação da proposta. Segundo ele, “um erro de percurso”, em referência às manifestações, fez com que a PEC fosse considerada “nefasta”.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...


Foi uma grande vitória da sociedade e uma grande derrota daqueles que queriam monopolizar a segurança publica. Derrota também dos políticos, pois eles queriam muito a aprovação dessa PEC pois assim teriam como "negociar" as investigações contra os crimes por eles cometidos. As ações espontâneas das ruas amedrontaram os políticos que foram obrigados a rejeitar a PEC. Agora os Delegados de Policia terão que "inventar" outra PEC para dominar a Segurança Publica no Brasil. Estamos de olho.
 
nelson silva em 26/06/2013 09:30:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions