A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

05/03/2009 10:04

Fiems condena reajuste da tarifa de ônibus da Capital

Redação

A Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul) condena o aumento da tarifa de ônibus, em Campo Grande. O presidente da Fiems, Sérgio Longen, disse que o reajuste é muito preocupante para as empresas e que é "contra qualquer aumento de custos".

Ele declarou que considera errado o aumento em um momento de crise e que a Prefeitura deveria rever a gratuidade. Situação que, segundo já declarado pela Prefeitura, compõe a tarifa.

Para Longen, a Prefeitura deveria rever a gratuidade dos oficiais de Justiça, das lideranças de bairro e de funcionários dos Correios. De acordo com ele, gratuidade é "fazer caridade com o chapéu alheio". Um comunicado sobre o assunto está publicado no site da Fiems.

A tarifa de ônibus da Capital passou de R$ 2,30 para R$ 2,50, desde domingo (1º de março). O reajuste foi publicado em Diário Oficial sem discussão pública sobre o assunto.

Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions