A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

10/12/2008 18:09

Inmetro orienta população na compra de produtos de Natal

Redação

A AEM (Agência Estadual de Metrologia de Mato Grosso do Sul) faz um alerta aos consumidores que compraram ou comprarão luzes de Natal. O diretor-presidente da AEM, Ademir de Sousa Osiro, lembra, que no momento da compra, deve-se tomar muito cuidado com o produto, principalmente com as informações contidas na embalagem. "A maioria é de fabricação chinesa, e não traz informações em português. Não informam a voltagem. Isso pode ocasionar até incêndios nas residências", alerta Ademir.

Outro ponto que merece destaque, é a instalação dos enfeites. Segundo Osiro, para se garantir um Natal mais seguro deve-se aliar um produto de qualidade à boa instalação. "Dessa forma, um produto dificilmente apresentará casos de má condução de energia e risco de curto-circuito", avalia.

O engenheiro eletricista Alberto Jorge Silveira aconselha ao consumidor a prestar atenção nas restrições contidas nas caixas dos enfeites. "Se um rabicho foi dimensionado para apenas mais uma conexão, e foram colocados três rabichos. Vai haver uma sobrecarregar, todo esse conjunto vai superaquecer. Se isso acontecer, vai pegar fogo em tudo que estiver no rabicho", ilustra.

Nos primeiros dias de dezembro, técnicos do Inmetro em Campo Grande fiscalizaram 2.600 produtos de iluminação natalina, sendo que 300 apresentaram irregularidades e foram retiradas do mercado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions