ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 27º

Interior

Acusado de duplo homicídio é condenado a 66 anos de prisão

Ruan William Gonzaga Luverde sentou no banco dos réus nesta segunda-feira (4)

Por Gustavo Bonotto | 04/12/2023 20:24
Ruan William durante julgamento, realizado na comarca de Costa Rica. (Foto: Tamires Santana/MS Todo Dia)
Ruan William durante julgamento, realizado na comarca de Costa Rica. (Foto: Tamires Santana/MS Todo Dia)

Ruan William Gonzaga Luverde foi condenado a 66 anos e sete meses de prisão em regime fechado pelo crime de duplo homicídio. O julgamento aconteceu na tarde desta segunda-feira (4), a 326 quilômetros de Campo Grande, na comarca de Costa Rica.

O crime ocorreu em maio do ano passado, durante uma tentativa de execução a quatro jovens. Dois deles foram brutalmente assassinados, e outros dois conseguiram escapar.

Segundo a movimentação processual, o crime foi planejado e executado por motivo de vingança, já que os réus alegaram que estavam fazendo justiça por um suposto estupro que não foi comprovado.

Ainda conforme os autos, na noite de 12 de maio de 2022, Ruan rendeu os quatro jovens em uma residência localizada no centro da cidade e os levaram, em dois carros, para uma área rural na região do Córrego Cascavel, próximo à MS-306.

Djone Mendonça, de 22 anos, foi encontrado morto com ferimentos de tiros no pescoço e nas costas, além de cortes no queixo. Já o corpo de Gabriel da Silva Souza, de 19 anos, foi localizado dias depois do sequestro, com perfurações provocadas por faca.

Receba as principais notícias pelo celular. Clique aqui para entrar no canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias