A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 14 de Agosto de 2018

01/08/2016 23:58

Empresa é multada em R$ 40 mil por armazenar 250 mil litros de lama asfáltica

Nyelder Rodrigues
Produto não tinha licença ambiental para permanecer no local (Foto: Divulgação PMA)Produto não tinha licença ambiental para permanecer no local (Foto: Divulgação PMA)

Uma empresa foi multada em R$ 40,9 mil pela PMA (Polícia Militar Ambiental) ao ser flagrada armazenando 250,2 mil litros de lama asfáltica ilegalmente em 1.251 tambores, cada um com capacidade para 200 litros, em Corumbá - cidade localizada a 419 km de Campo Grande.

O produto perigoso, Betupen-plus, não tinha licença ambiental para ser armazenado na cidade, nem ser transportado. Ele estava no pátio da empresa, na carroceria do caminhão. O local também não atendia as especificações da legislação, no tocante às sinalizações de riscos, coletores de possíveis vazamentos, que poderiam causar contaminação do solo.

Foram apreendidos todos os galões do produto. A empresa infratora foi notificada a tomar as providências para a adequação dos produtos perigosos, conforme determina a legislação, além de multada. A PMA também confeccionou um auto de infração administrativo e arbitrou multa de R$ 40.916.

No dia 27 de julho, a PMA havia autuado em R$ 117 mil outra empresa em Corumbá, por armazenamento ilegal de 3.144 tambores de 200 litros cada contendo o produto Betuflex, também usado como lama asfáltica, para o qual não havia licença ambiental de armazenamento.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions