ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, QUARTA  27    CAMPO GRANDE 21º

Interior

Erosão quase "engole" residência e moradores são obrigados a deixar o local

Por Adriano Fernandes e Helio de Freitas | 04/12/2020 23:46


Uma residência quase foi "engolida" por uma erosão que aumentou durante o temporal da tarde desta sexta-feira (04), na cidade de Nova Andradina, que fica a 300 quilômetros de Campo Grande. O imóvel fica na esquina das ruas Espirito Santo com a Antônio Duarte.

Diante do risco de queda o imóvel foi interditado e os moradores se viram obrigados a deixarem o local. Parte do asfalto e do muro de um imóvel foram levados para dentro do buraco pela enxurrada. As tubulações de esgoto e de águas pluviais também se romperam.

Tubulação de água e esgoto ficou exposta com o aumento da erosão. (Foto: Direto das Ruas)
Tubulação de água e esgoto ficou exposta com o aumento da erosão. (Foto: Direto das Ruas)

Toda água que escoa da chuva e o esgoto estão sendo despejados, sem tratamento no Córrego do Baile, agravando ainda mais a erosão, conforme o Jornal da Nova.

A cratera já é um problema antigo enfrentado pelos moradores dos bairros Argemiro Ortega e Cristo Rei.

O local estava em obras, mas a chuva de hoje, comprometeu ainda mais o andamento dos trabalhos.

Transtornos - O temporal com 39 mm de chuva pela cidade também teve ruas alagadas e quedas de energia nos bairros Portal do Parque, Jardim Universitário, Cohab III, Guiomar Soares Andrade e região central da cidade. Em alguns pontos também faltou internet. Próximo ao estádio Andradão um fio de alta tensão se rompeu. No Centro e Argemiro Ortega houve alagamento.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário