A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

28/08/2017 09:20

Greve de professores continua e pais reclamam de confusão nos horários

Helio de Freitas, de Dourados
Greve parcial por causa de liminar do TJ provoca confusão em horário de aulas em Dourados (Foto: Arquivo)Greve parcial por causa de liminar do TJ provoca confusão em horário de aulas em Dourados (Foto: Arquivo)

Continua a greve parcial de professores e administrativos da Rede Municipal de Ensino de Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande. Para cumprir liminar do Tribunal de Justiça que determina dois terços dos servidores trabalhando, as categorias decidiram reduzir o tempo de aula, mas a medida vem causando transtorno aos pais.

Na sexta-feira (25), os grevistas decidiram que ao contrário da semana passada a redução ocorreria no final da aula e todos os alunos entrariam às 7h no período da manhã e às 13h no período da tarde, cabendo a cada escolar definir o horário de saída.

Entretanto, nesta segunda-feira (28) a greve parcial mais uma vez gerou reclamação dos pais. Pelo menos um estabelecimento de ensino localizado na área central não ainda não cumpriu a decisão tomada na assembleia de sexta-feira e iniciou as aulas por volta de 8h30.

Na semana passada, o Campo Grande News mostrou a reclamação de pais que devido ao horário de trabalho tiveram que deixar os filhos do lado de fora dessa mesma escola, esperando a abertura do portão.

Os professores municipais de Dourados reivindicam o reajuste de 7,64% do piso nacional. Já os administrativos querem a reposição dos salários, defasados há três anos. A prefeitura afirma que não tem dinheiro para reajustar salários e que a prioridade é pagar a folha em dia.

O Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação) informou que amanhã às 15h os servidores vão avaliar a greve em uma assembleia na Praça Antônio João.

De acordo com o sindicato, pais e responsáveis de estudantes das escolas municipais dos centros de educação infantil devem procurar unidades para mais informações sobre o horário de aula.

Salários – No fim de semana, a prefeitura informou que o salário pago aos professores municipais ultrapassa a média nacional. Dados divulgados pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) apontou que em média os profissionais ganham 4,3 salários mínimos por 40 horas trabalhadas em nível nacional.

Já em Dourados, conforme a prefeitura, um professor em primeiro nível recebe R$ 2.234,00 para uma carga de 20 horas, ou seja, R$ 4.468,00 para 40 horas trabalhadas por semana.

Citando dados da Secretaria Municipal de Educação, a assessoria de imprensa da prefeitura informou que a remuneração no início de carreira para profissional do magistério especialista em educação é de R$ 4.915,99 para 40 horas trabalhadas.

Ainda conforme a prefeitura, a educação municipal tem pelo menos 4,1 mil funcionários entre efetivos, contratados, comissionados e administrativos, que representam 57% do total de funcionários da administração municipal.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions