A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017

07/05/2012 23:40

Índios kadiwéu ocupam fazendas em Corumbá e Porto Murtinho

Nyelder Rodrigues

Fazendas em Corumbá e Porto Murtinho estão sendo ocupadas desde o final do mês de abril, por índios da etnia kadiwéu. Nesse final de semana, outras duas fazendas foram ocupadas, o que gerou denúncias sobre a situação à Polícia Federal.

Ao todo, oito terras já foram ocupadas pelos kadiwéu, e proprietários e funcionários das fazendas estão sendo retirados dos locais pelos indígenas, que reivindicam os territórios na justiça desde 1987.

A atitude dos indígenas é considerada como uma forma de pressionar o Supremo Tribunal Federal (STF) a julgar e reconhecer a posse das terras.

Até o momento, não foi registrado pela Polícia Federal nenhuma manifestação com violência física por parte dos indígenas, como manter reféns.

Cassems leva 'Ônibus da Saúde' para Fátima do Sul no próximo sábado
O programa de prevenção "Ônibus da Saúde", realizado pela Cassems, levará atendimento especializado em oncologia até Fátima do Sul - cidade localizad...
Suspeito de estuprar enteada de 4 anos é preso no interior de MS
Um homem de 41 anos foi preso pelo estupro da enteada, de 4 anos, nesta segunda-feira (20) em Antônio João - a 279 quilômetros de Campo Grande. O abu...


Dobre a lingua para falar dos Kadiweu sr. Luis Carlos Leite Nunes, pois racista , inapropriada , grosseira e falsa é a sua colocação. Nos não precisamos de um General Custer pois já temos um Pucinelli e procure estudar mais pois se hoje boa parte do MS é Brasil foi graças oas Kadiwéu.
 
karai Mbarete Ruiz em 11/05/2012 05:27:06
Até quando estes índios desocupados vão assombrar produtores e pecuarista neste país?
Já sinto até a necessidade,de um certo Gal George Custer....Embora não tenhamos nem um deste que seja digno de um Touro Sentado ou muito menos um Nuvem Vermelha.Mas vadios tem bastante!!!!
 
LUIS CARLOS LEITE NUNES em 08/05/2012 01:29:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions