A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017

20/11/2013 07:43

Justiça manda índios desocuparem Fazenda São Jorge, em Japorã

Viviane Oliveira

A Justiça Federal de Mato Grosso do Sul determinou a desocupação de áreas que faz parte da Fazenda São Jorge, em Japorã, a 487 quilômetros de Campo Grande. A comunidade ficará restrita a apenas uma parcela de 10% da propriedade.

Em decisão anterior, o judiciário havia determinado que os índios ficassem nesta área restrita, no entanto os índios teriam avançado e ocupado toda a área e expulsado o proprietário da fazenda.

A Justiça deu prazo de 10 dias para que a comunidade volte área restrita e desocupe o restante da fazenda. Na mesma decisão, a Justiça afirma que a PF informou que os índios estavam agindo com técnicas de guerrilha, armados, com facões e flechas. Por conta disso não conseguiram evitar a invasão total da propriedade e fazer cumprir a decisão anterior da Justiça. 

A decisão da Justiça atende a um pedido do advogado Felipe Ricetti Marques. De acordo com ele, o próximo passo é pedir a retirada da comunidade indígena também da área de 10% destinada a eles.

A área de 317 mil hectares está sendo disputada por indígenas da etnia Guarani, que estão no local desde o dia 14 de outubro. Eles querem a ampliação da aldeia Porto Lindo Yvi Katu.

(Com informações do site Dourados Agora).




O desfecho é sempre o mesmo. A justiça manda, os índios não obedecem. a justiça manda a PM, os índios não obedecem. A PM baixa o sarrafo e os índios correm para as ONGs e OAB dizendo que a PM é violenta. Não precisa nem bola de cristal para saber o que vai acontecer
 
Alex andré de souza em 20/11/2013 12:48:45
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions