ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEGUNDA  30    CAMPO GRANDE 24º

Interior

Mulher é resgatada de hospital após ser condenada a 7 anos de prisão

A brasileira Luciney Diana Maciel de 39 anos está grávida e o seu marido é suspeito de participação no resgate cinematográfico

Por Adriano Fernandes | 27/10/2020 21:22
Ao centro da imagem, Luciney Diana Maciel, que foi resgatada após ser condenada a 7 anos de prisão, nesta terã-feira (27). (Foto: Marciano Candia)
Ao centro da imagem, Luciney Diana Maciel, que foi resgatada após ser condenada a 7 anos de prisão, nesta terã-feira (27). (Foto: Marciano Candia)

Logo depois de ser condenada a 7 anos de prisão por tráfico de drogas a brasileira Luciney Diana Maciel, de 39 anos, foi resgatada por 3 homens armados de dentro do Hospital Regional de Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã, a cerca de 323 quilômetros de Campo Grande.

A mulher foi levada sob escolta policial para o hospital para passar por avaliação médica, já que está grávida. Mas assim que chegaram ao local, por volta das 19h desta terça-feira (27)  os policiais foram rendidos pelos criminosos que fugiram levando a mulher em uma caminhonete modelo Hilux. A polícia paraguaia suspeita que um dos homens é o marido da mulher.

Buscas estão sendo realizadas na cidade, mas até o momento nenhum envolvido no resgate cinematográfico da traficante foi encontrado. Conforme o portal paraguaio Ultima Hora, Luciney estava respondendo ao processo em liberdade, mas após ser condenada nesta tarde por porte, tráfico e comercialização de maconha ela teria que retornar ao presídio feminino de Pedro Juan.

A ação é resultado do flagrante ocorrido em 2016, quando policiais encontraram 1,271 quilos de maconha na casa da mulher.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário