A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

27/06/2016 16:28

No crime há 4 anos, traficante diz que faturava R$ 60 mil por mês

Mecânico de máquinas agrícolas contou detalhes do tráfico na fronteira e disse que investe dinheiro do crime em imóveis

Helio de Freitas, de Dourados
Rafael Machado é conduzido por policial rodoviário (Foto: Leo Veras)Rafael Machado é conduzido por policial rodoviário (Foto: Leo Veras)

Preso na manhã desta segunda-feira (27) pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) na BR-463, entre Dourados e Ponta Porã, Rafael Duarte Machado, 25, disse que abandonou a profissão de mecânico de máquinas agrícolas para virar traficante. Ele morava no Jardim Independência, em Dourados, e há quatro anos transportava droga do Paraguai para várias cidades de Mato Grosso do Sul e de outros estados.

Aos policiais que descobriram o compartimento falso no assoalho de um Renault Sandero onde estavam 105 quilos de pasta-base de cocaína, Rafael contou que ganhava pelo menos 60 mil por mês e estava investindo o dinheiro do crime em imóveis.

Parado no Posto Capeí, Rafael tentou despistar afirmando que tinha ido ao Paraguai para comprar uma peça automotiva, mas estava agitado e demonstrou nervosismo e excessivo durante a abordagem.

Descoberto, o rapaz contou que um paraguaio baseado em Pedro Juan Caballero o procurou, por telefone, para levar a pasta-base de cocaína até Bataguassu, na divisa com São Paulo. Pelo serviço, receberia R$ 10 mil.

Rafael Machado disse que já tinha feito entre 12 a 15 viagens transportando drogas que sempre troca de veículo depois de duas idas ao Paraguai, para não chamar a atenção da polícia.

O rapaz contou aos policiais que comprou o Sandero em Dourados por R$ 20 mil – dinheiro enviado pelo fornecedor da droga. Há cinco dias o carro foi deixado em uma oficina mecânica de Pedro Juan Caballero, para a droga ser escondida no fundo falso. Ontem ele voltou à fronteira e pegou o veículo já carregado, no Paraguai, hoje cedo pegou a estrada.

Levado para a delegacia da Polícia Federal em Ponta Porã, Rafael foi autuado em flagrante por tráfico internacional de drogas e pode pegar até 15 anos de prisão.

Passo do Piraju deve receber posto de saúde e energia, determina Justiça
O MPF-MS (Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul) conseguiu na Justiça que a União fosse condenada a construir um posto de saúde e instalar...
Dourados abre período de pré-matrículas em escolas e creches municipais
Foi aberto nesta segunda-feira (11) o período de inscrições para matrícula (a pré-matrícula) nas unidades escolares e Centros de Educação Infantil de...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions