ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUINTA  28    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Pai reclama de situação de filho em hospital, que relata situação "normal"

Pai afirma que filho não está se alimentando e ainda tem vomitado fezes. Hospital nega acusações do pai.

Por Mirian Machado | 22/12/2020 16:39
Juan esta internado após ter sido esfaqueado em uma festa (Arquivo Pessoal)
Juan esta internado após ter sido esfaqueado em uma festa (Arquivo Pessoal)

Os pais de Juan Thalles Miranda dos Santos, de 20 anos, acusam o Hospital Regional Doutor Estácio Muniz, em Aquidauana, 135 km de Campo Grande, de negligenciar  a situação do filho, relatada pelo pai Paulo Miranda dos Santos de 58 anos como grave. Juan segue internado no hospital, após ser esfaqueado na região do abdome.

Segundo o pai, há duas semanas o filho saia de festa, quando teve o capacete da moto roubado e acabou ferido ao ir atrás do suspeito. Desde então segue internado. O pai ainda tenta transferência do filho para Campo Grande.

"Cada um fala uma coisa, um enfermeiro disse que teria que ser feita outra cirurgia. Outro medico já fala outra coisa. Estou preocupado", conta.

Ele está na maca da enfermaria com dor. Os médicos passam por aqui e falam que tem que aguardar a recuperação. Ele está vomitando fezes e eles falam que a recuperação é assim mesmo. Imagina a situação que meu filho está. Estou muito abalado. Quero meu filho vivo", reclama o pai afirmando ainda que não consegue ver o filho por causa das medidas de segurança contra o corona vírus.

Juan ao lado do cirurgião que o operou (Hospital de Aquidauana)
Juan ao lado do cirurgião que o operou (Hospital de Aquidauana)

Contrapartida- O hospital nega que Juan tenha tido vômitos fecaloides, nome técnico para a situação, e afirma ainda que não há necessidade de transferência.

"Ressalta-se que vômitos eventuais são esperados no pós-operatório devido ao uso de vários medicamentos, sem características anormais". O paciente foi atendido, operado e é acompanhado pelo médico cirurgião André Fraga Rueda.

Ainda segundo o hospital, Juan deu entrada na madrugada do dia 12 de dezembro, alcoolizado, com ferimento  de faca no abdome superior. "Passou por procedimentos cirúrgicos em abdome e tórax nos últimos dias, decorrentes do ferimento desferido e encontra-se estável", diz a informação prestada.

Conforme o hospital, paciente está em uso de antibióticos para controle infeccioso, urinando normalmente e alimentando-se.

Direto das Ruas – A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal. - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário