ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, TERÇA  27    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Pistoleiro executa cuidador de cavalos com sete tiros na região de fronteira

Nyelder Rodrigues | 29/01/2017 21:07
Local onde aconteceu a execução no começo da noite de hoje (Foto: Direto das Ruas)
Local onde aconteceu a execução no começo da noite de hoje (Foto: Direto das Ruas)

Foi morto no início da noite deste domingo (29) em Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - Marcelo Martins, que trabalhava como treinador de cavalos no Jockey Club local.

Segundo o site Ponta Porã Informa, Martins foi morto com tiros de pistola 9 mm, armamento típico de execuções sumárias. Foram disparados sete tiros contra ele, que estava em uma roda com outras pessoas.

O pistoleiro responsável pela execução chegou ao local, puxou pelos braços umas das pessoas que estavam na roda e disparou contra a cabeça de Martins, que morreu na hora. O treinador de cavalos estava escorado em uma árvore.

Depois de cometer o crime, o atirador ainda saiu caminhando tranquilamente até abordar um carro que passava na rua e, ameaçando o motorista, o obrigou a levá-lo até a fronteira com o Paraguai, onde seguiu para dentro de Pedro Juan Caballero.

Equipes da PM (Polícia Militar) foram ao local, além da Polícia Civil, que já pediu auxílio da polícia paraguaia. O caso foi registrado na DP (Delegacia de Polícia Civil) de Ponta Porã e será investigado.

Nos siga no Google Notícias