A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Agosto de 2019

15/08/2019 19:16

Reconhecido pelo irmão, homem que foi "desovado" em estrada tinha 36 anos

Após identificar a vítima no IML de Ponta Porã o irmão foi prestar depoimento no 2º Distrito Policial da região

Adriano Fernandes e Helio de Freitas
Corpo foi encontrado com um saco plástico preso a cabeça. (Foto: Mbykymi Notícias) Corpo foi encontrado com um saco plástico preso a cabeça. (Foto: Mbykymi Notícias)

Foi identificado como sendo Carlos Renato Merey Rodrigues, de 36 anos, o homem encontrado morto no rodoanel de Ponta Porã, cidade a 323 km de Campo Grande, na fronteira com o Paraguai, nesta quinta-feira (15). O corpo tinha sinais de tortura e estava com um saco amarrado na cabeça e as pernas e mão atadas.

O reconhecimento foi feito há pouco no IML (Instituto Médico Legal) de Ponta Porã, por um irmão de Carlos Renato que depois, seguiu para o 2º Distrito Policial da região para prestar depoimento. Antes de ser morto com vários tiros, Carlos Merey foi asfixiado, já que um saco plástico estava preso a sua cabeça.

Carlos usava camiseta preta, short azul e calçava mocassim. A polícia paraguaia ainda não identificou nenhum suspeito do crime. A Linha Internacional enfrenta onda de execuções, atribuídas pela polícia à guerra entre facções pelo controle do tráfico de drogas na região. Pelo menos cem pessoas já foram mortas nos dois lados da fronteira neste ano.

 

 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions