A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Março de 2017

09/10/2013 08:58

Tribunal de Justiça vai levar Juizado de Trânsito para 4 cidades do interior

Viviane Oliveira
Presidente do TJ, desembargador Joenildo, anunciou a expansão do serviço do Juizado de Trânsito no mês passado. (Foto: divulgação)Presidente do TJ, desembargador Joenildo, anunciou a expansão do serviço do Juizado de Trânsito no mês passado. (Foto: divulgação)

O TJ (Tribunal de Justiça) anunciou que vai estender o serviço prestado pelo Juizado do Trânsito, hoje disponível apenas em Campo Grande, para as comarcas de Dourados, Corumbá, Ponta Porã e Três Lagoas.

Em solenidade de entrega do ônibus da Justiça Itinerante em Dourados, no mês passado, o presidente do TJMS, desembargador Joenildo de Souza Chaves, e o presidente do Conselho de Supervisão do Juizado Especial, desembargador Marco André Nogueira Hanson, anunciaram a expansão do serviço do Juizado de Trânsito.

No dia 18 deste mês, será realizado o pregão para a aquisição de seis novos veículos, desses, quatro serão destinados ao Juizado de Trânsito da Capital, uma para Dourados e um para Três Lagoas.

Para implantação do serviço nas comarcas de Corumbá e Ponta Porã, e onde mais foram constatada a necessidade do Juizado do Trânsito, está prevista para o ano que vem a aquisição de mais quatro unidades móvel, cuja despesa já consta na previsão orçamentária.

Traficante invade terreno e abandona carro com 407 quilos de maconha
Traficante entrou no lote da Fetagri (Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Mato Grosso do Sul) e abandonou carro carregado com qua...
Vítima de latrocínio, sitiante é morto a golpes de facão e tem carro roubado
Euzébio Carneiro de Oliveira, 49, foi encontrado morto dentro de casa localizada no sítio onde morava, no assentamento Lagoa Grande. Ele foi morto co...
Jovem é surpreendido e morto em mercearia por homens em moto
Jean Carlos Muniz de Lima, 24, foi surpreendido por atiradores que chegaram em uma moto e morto a tiros em frente a uma mercearia. O crime aconteceu ...



O Judiciário precisa voltar a trabalhar em período integral, não tem sentido meio-expediente, essa mordomia, dentre outras, é que atinge a imagem dos juízes.
Os processos são lentos demais, inclusive no juizado.
 
Lucio Martins da Silva em 09/10/2013 20:02:50
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions