A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 27 de Março de 2017

12/01/2015 17:30

Vereador mais votado em 2012 é o 1º a perder mandato por corrupção

Helio de Freitas, de Dourados
Adriano acompanhou julgamento na primeira fileira do plenário da Câmara, cercado por manifestantes que pedem a cassação dos vereadores (Foto: Reginaldo de Souza)Adriano acompanhou julgamento na primeira fileira do plenário da Câmara, cercado por manifestantes que pedem a cassação dos vereadores (Foto: Reginaldo de Souza)

Adriano José Silvério (SDD), vereador mais votado em 2012 no município de Naviraí, a 366 km de Campo Grande, é o primeiro a ser cassado dos quatro legisladores que estão sendo julgados hoje por quebra de decoro após serem presos e denunciados por corrupção. Apesar de o relatório da Comissão Processante pedir a absolvição, a decisão do plenário foi pela cassação.

Eleito em 2012 com 1.927 votos, Silvério perdeu o mandato por 10 votos a dois. Votaram contra a cassação o relator José Roberto Alves, e Mário Gomes, que fez parte da comissão. O presidente, Márcio Scarlassara (PSDC) votou pela cassação. O voto foi aberto, acompanhado por centenas de moradores da cidade, que lotam o auditório da Câmara.

Adriano José Silvério é acusado de fazer parte do esquema de corrupção montado pelo ex-presidente da Câmara, Cícero dos Santos, que também será julgado ainda hoje. Ele já estava em liberdade desde dezembro e responde processo na Justiça por corrupção passiva e organização criminosa.

Outros dois que estão sendo julgados nesta segunda-feira são Carlos Alberto Sanches, o Carlão (SDD), e Marcus Douglas Miranda. Só Cícero dos Santos preferiu não ir à sessão. Ele está recolhido na penitenciária da cidade.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions