A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

05/04/2010 09:15

Ministério declara estado de emergência ambiental em MS

Redação

O Ministério do Meio Ambiente baixou portaria, pelo terceiro ano consecutivo, declarando estado de emergência ambiental em Mato Grosso do Sul e mais 13 estados. A medida é tomada anualmente e possibilita a contratação de brigadistas municipais para o atendimento de emergências ambientais, com seleção simplificada.

Na lista estão Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima e Tocantins. Todos os locais estão em alerta constante por conta das queimadas.

A portaria considera os compromissos internacionais do Brasil em evitar emissões de CO2 para a atmosfera, oriundas de queimadas e incêndios florestais.

Também leva em conta as metas estabelecidas pelo Plano Nacional de Mudanças do Clima e a ameaça eminente de focos de queimadas na estação seca que se inicia, caracterizando alto risco ambiental.

Experiência - No ano passado, pela primeira vez o sistema de brigadas foi testado na região do Pantanal, com fogo debelado em fazendas.

Mato Grosso do Sul já criou 4 grupos de combate ao fogo: 2 em Corumbá, 1 em Porto Murtinho e outra em Aquidauana, com 59 homens contratados no ano passado.

O contrato vale por 5 meses e acabou em dezembro. Agora será aberta nova seleção e além desses 4 grupos haverá brigada do Prevfogo em Jateí e Miranda. no total serão 89 brigadistas.

A seleção será aberta, provavelmente em maio e até julho os convocados devem ser treinados.

O analista ambiental do Ibama, Alexandre Pereira, diz que a experiência de 2009 foi um avanço importante para o estado. "Antes, só o tempo (chuva) conseguia acabar com os incêndios florestais no Pantanal", lembra.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions