A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

23/07/2015 14:12

Professores da UFMS mantêm greve e esperam reajuste acima de 21%

Juliana Brum

Os professores da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), recusaram a nova proposta do Governo e mantiveram a greve por tempo indeterminado. Só uma nova proposta da presidente Dilma Rousseff (PT) pode por fim à paralisação. 

Eles rejeitaram o reajuste salarial de 21,3%. A expectativa é uma nova assembleia na próxima semana, antes do fim do mês de julho. O presidente da Adufms (Associação dos Docentes da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), José Carlos da Silva, fez suas considerações sobre o Governo.

"O Governo Federal não está levando em consideração as dificuldades que a universidade está enfrentado. E esperamos que na próxima assembleia possamos ter novidades além dos valores em relação ao salário".

Pelo menos 80% dos docentes estão parados e a universidade continua sem aula em todo o Estado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions