A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

03/11/2011 15:06

Proprietários de vans protestam contra extinção da atividade no Estado

Wendell Reis

Proprietários de vans da Coopervans do Pantanal compareceram a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul nesta quinta-feira (3) para pedir apoio dos deputados contra a extinção da atividade no Mato Grosso do Sul. O presidente da Coopervans do Pantanal, Antônio Cláudio Duarte, explica que 10 vans já pararam de atuar e outras 30 estão ameaçadas.

A extinção, segundo Duarte, ocorre porque a AGEPAN (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul) concede licenças por meio de concessão e autorização, que é o caso das vans. Assim, por ter apenas autorização, o contrato das vans tem duração de apenas cinco anos, sem prorrogação.

Os proprietários de vans alegam que encontraram uma “brecha” jurídica para que o contrato seja renovado e a decisão deve sair na próxima terça-feira (8). O presidente da Coopervans acredita que 24 mil pessoas utilizam os serviços mensalmente. O preço das passagens é igual ao dos ônibus, mas Duarte ressalta que o passageiro do município de origem conta com outras opções de horário e têm a vantagem de embarcar e desembarcar de suas residências.

Procurado por telefone, o diretor-presidente da Agepan, Roberto Hashioka, não retornou às ligações.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions