A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 16 de Dezembro de 2018

12/12/2008 08:10

Quarenta farmácias receberiam remédio sem recolher ICMS

Redação

Os medicamentos apreendidos pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), que entravam no Estado sem recolhimento de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), seriam distribuídos em 40 estabelecimentos, sendo 21 em Campo Grande e outros em Dourados, Naviraí, Coxim, Miranda, Itaquiraí, Camapuã e Jardim.

O Gaeco acredita que por semana três caminhões furavam as barreiras fiscais e entravam com os medicamentos sem recolher impostos. Considerando que a carga de apenas um caminhão, apreendida na quarta-feira, foi avaliada em R$ 91.760.00, representando sonegação de R$ 15.500.00, por semana a sonegação mensal através do esquema pode ser calculada em R$ 186 mil.

O presidente do Sinprofar (Sindicato dos Proprietários de Farmácias), Sebastião Paulino Borges, afirma que, além de lesar os cofres estaduais, as drogarias que compram medicamentos que entram no Estado sem recolher o ICMS prejudicam o setor, estabelecendo concorrência desleal.

Ministério da Saúde faz alerta para vacinação em período de férias
Ministério da Saúde faz um alerta aos viajantes neste fim de ano: manter a caderneta de vacinação atualizada é fundamental para ter uma viagem saudáv...
Ninguém acerta e Mega-Sena pode pagar R$ 48 milhões na terça-feira
A Mega-Sena acumulou mais uma vez e agora pode pagar R$ 48 milhões caso alguém acerte as seis dezenas que serão sorteadas na próxima terça-feira (18)...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions