A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

15/12/2009 13:12

Testemunha de homicídio sai para trabalhar e desaparece

Redação

Diego da Silva Santa Roza, de 19 anos, está desaparecido desde a manhã de ontem (14), quando saiu da sua casa no Jardim Centenário, em Campo Grande, para ir ao trabalho, e não chegou à obra nem retornou para a residência.

Segundo a mãe do rapaz, que procurou a Polícia para registrar seu desaparecimento, Diego vinha recebendo ameaças de desconhecidos, depois de ter testemunhado o homicídio de Marcos Antônio Damázio da Silva, ocorrido no dia 5 deste mês, na avenida Marechal Deodoro.

Desde essa ocasião, de acordo com o relato da mãe, o jovem era abordado por estranhos no bairro onde mora, que diziam que "quem fala muito morre com a boca cheia de formigas".

Na manhã de ontem, quando saiu de casa para ir ao trabalho, Diego sequer chegou à obra no centro da Capital, onde trabalho como carpinteiro.

Quando saiu de casa, o rapaz trajava camiseta branca com listras pretas nas mangas, de malha, calça jeans azul, boné azul marinho e tênis pretos.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions