A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

28/02/2010 14:02

Testemunhas de morte de bebê prestam depoimento segunda

Redação

A Polícia Civil começa a ouvir amanhã os depoimentos do caso em que um bebê morreu durante parto no Hospital Municipal de Ivinhema, onde médicos trocaram socos e pontapés na sala de cirurgia.

Os dois médicos envolvidos no tumulto, ocorrido dia 23 de fevereiro, também serão ouvidos ao longo da semana. No entanto, os depoimentos serão em dias diferentes para evitar o encontro entre Orozimbo Ruela, 42 anos, e Sinomar Ricardo, 69 anos.

Orozimbo e Sinomar envolveram-se em uma briga, cujo motivo será apurado. Sinomar alega que o desentendimento começou porque o outro profissional colocou medicamento abortivo na vagina da gestante para induzir o parto.

Já Orozimbo afirma que, mesmo no dia de folga, decidiu fazer o parto da gestante, situação que teria desagradado Sinomar.

Eles começaram a brigar e a gestante, Gislaine de Matos, 32 anos, teve de ser atendida por outro médico.

Uma hora depois, a menina Mibsan nasceu morta.

Deverão prestar depoimento os outros integrantes da equipe do hospital.

Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions