A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

27/04/2010 09:15

TJ nega recurso e último acusado do Caso Dudu vai a júri

Redação

A 2ª Turma Criminal do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) negou o recurso apresentado pela defesa de Holly Lee de Souza, o único réu que ainda não foi julgado no Caso Dudu. Após dois adiamentos, o recurso foi julgado e negado ontem. Desta forma, o acusado também deve ser levado ao Tribunal do Júri.

O defensor público Fábio Rogério Rombi da Silva apresentou recurso com base em laudo de insanidade mental de Holly Lee. Conforme análise da perita Sare Suzane Silva, ele sofre de esquizofrenia e em virtude da doença mental era "incapaz de entender o caráter ilícito do fato". Com base no laudo, o defensor requereu a absolvição sumária do jovem.

Já para o promotor da 2ª Vara do Tribunal do Júri, Douglas dos Santos, o laudo não deveria ser levado em consideração porque a médica baseou-se em exame clínico de consultório, colhendo apenas informações lhe repassadas pelo paciente em uma consulta.

O processo é sobre a morte do menino Luiz Eduardo Gonçalves, que desapareceu no dia 22 de dezembro de 2007, quando tinha 10 anos, e, segundo as investigações, foi torturado e morto por Holly Lee e mais 3 adolescentes, a mando do ex-padrasto do garoto, José Aparecido Bispo da Silva, o Cido.

Cido, de 53 anos, foi condenado a 26 anos de reclusão, no dia 31 de março. Holly Lee seria julgado no mesmo dia, mas a defesa impetrou recurso contra a decisão do juiz do caso, Aluizio Pereira dos Santos, de mandá-lo a júri popular, e o caso foi desmembrado.

Três adolescentes também foram condenados por participação no crime.

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions