A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

27/04/2010 14:31

TJMS condena laboratório de GO por exame errado de HIV

Redação

Uma mulher de Mato Grosso do Sul vai receber indenização de R$ 15,3 mil de um laboratório de Rio Verde, em Goiás, por conta de resultado errado do exame de HIV. Os testes foram realizados em julho de 2006 e apontaram como positivo a existência do vírus que causa da Aids no organismo da sul-mato-grossense.

A decisão do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) sobre o laboratório Hormonal Laboratório de Análise e Citopatologia foi deferida pelo desembargador Sérgio Fernandes Martins. "O diagnóstico equivocado apontando a presença do vírus HIV no organismo de alguém, por si só, mostra-se capaz de desestruturar a vida de toda uma família, sobretudo a vida conjugal de um casal, quando a fidelidade mútua é colocada à prova", declarou o relator do caso.

Além dos exames que apontaram o falso resultado positivo, a contraprova realizada pelo laboratório também indicou a presença do vírus. De acordo com o processo, a vítima se submeteu a novos exames em clínicas diferentes, que deram resultado negativo para o vírus HIV.

Por conta do episódio, a mulher sofre crise no casamento. O marido também realizou os testes, que não apontaram a existência do vírus. Segundo Sebastião Pereira da Costa, advogado do laboratório Hormonal, a clínica vai recorrer da decisão. Em primeira instância, o pedido de indenização já havia sido negado.

Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions