A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

07/10/2010 13:37

Vento deixa antena "por um fio" em prédio da Capital

Redação

Presa "por um fio", a retirada de uma antena parabólica, ameaçada de ser levada pelo vento, de cima do prédio da Galeria São José virou atração nesta tarde em Campo Grande.

A calçada em frente ao prédio, localizado na rua 14 de Julho, esquina com a Barão do Rio Branco, foi interditada. Os bombeiros removeram a antena após ser acionados por policiais do 1º Batalhão da PM (Polícia Militar). Passando com a viatura, eles viram que a antena era segurada apenas por um fio.

Apesar de a antena te sido retirada rapidamente pelos bombeiros, muitos curiosos ficaram assistindo o trabalho. "O pessoal parou para ver, para acompanhar o trabalho dos bombeiros", conta Ana Maria de Almeida, de 40 anos, que também parou para assistir.

Nesta tarde, o vento chegou a 72 km/h nesta tarde em Campo Grande. Os bombeiros registraram sete queda de árvores. Uma sibipiruna de 15 metros interditou a rua 15 de Novembro, entre as ruas ruas Bahia e Joaquim Távora.

Uma árvore atingiu um Fox na avenida Afonso Pena. O carro era ocupado somente pela condutora, que não se feriu. Aparentemente, a árvore estava condenada.

Também foram registradas quedas de árvores na rua da Praia, no bairro Coophavila, na rua Euzébio de Queiroz e na rua Gines de Paula Correia.

Ministério Público faz contrato de R$ 3 milhões com empresa de informática
O MP/MS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) firmou contrato de R$ 3,3 milhões com a empresa Click Ti Tecnologia Ltda. Com validade de seis me...
Novos critérios definem morte encefálica e afetam doação de órgãos
O Conselho Federal de Medicina (CFM) divulgou hoje (12) critérios mais rígidos para definir morte encefálica. A mudança nos procedimentos tem impacto...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions