ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SÁBADO  13    CAMPO GRANDE 17º

Economia

MS fecha maio com geração de 6,6 mil novas vagas de trabalho formal

Números são referentes ao mês de maio e foram divulgados nesta terça-feira

Por Gabriel Neris | 28/06/2022 09:59
Mulher observa peças de roupas em loja do comércio da Capital (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)
Mulher observa peças de roupas em loja do comércio da Capital (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)

Mato Grosso do Sul fechou o mês de maio com saldo de 6.644 vagas de trabalho formal, de acordo com o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgados nesta terça-feira.

Conforme o levantamento, no quinto mês do ano foram 32.055 admissões e 25.411 desligamentos.

O setor que apresentou o melhor resultado foi serviços, com 2.516 novos postos de trabalho, seguido por comércio (1.345), indústria (999), agropecuária (909) e construção (875).

No acumulado do ano o saldo é de 25.794 novos postos de trabalho. Entre e janeiro e maio foram 157.290 contratações e 131.496 desligamentos. Novamente o setor de serviços foi o que mais contribuiu para o resultado, com saldo de 11.215 vagas.

Campo Grande fechou maio com 1.865 vagas de trabalho. Neste período foram 11.907 contratações e 10.042 rescisões de trabalho. Todos os grupos de atividades terminaram com resultados positivos: serviços (908), comércio (508), construção (211), indústria (185) e agropecuária (53).

Considerando entre janeiro e maio, a capital sul-mato-grossense gerou 6.907 vagas a mais de trabalho. Nos cinco primeiros meses do ano foram 57.854 admissões e 50.947 rescisões. Somente o setor de serviços registoru saldo de 4.807 novos postos de trabalho.

Nos siga no Google Notícias