A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

13/01/2013 17:53

Projeção é que metalmecânica cresça até 5% em 2013 no Estado

Nyelder Rodrigues

Um faturamento líquido de R$ 1,141 bilhão contra os R$ 1,35 bilhão de 2012. Essa é a projeção de crescimento das indústrias metalmecânicas e metalúrgicas de Mato Grosso do Sul em 2013.

Atualmente com 613 indústrias, empregando 7.027 trabalhadores, o setor não teve um bom 2012, avalia o presidente do Simemae-MS (Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico do Estado), Irineu Milanesi.

“O ano passado foi muito difícil para o segmento, sobretudo por ser um ano eleitoral, que pode ter gerado certa instabilidade para os empresários. Ele até começou relativamente bom, com uma arrancada no primeiro semestre, devido ao interesse de investimentos e matéria-prima fácil de adquirir, já no segundo semestre ficou mais complicado por causa das eleições, o empresário ficou desconfiado", argumentou Milanesi.

Além disso, o sindicalista conta que em 2012 algumas empresas do segmento demonstraram interesse em se instalar em Campo Grande, porém, os negócios não se concretizaram. Ele apontou que é preciso maior apoio do poder público para atrair novos negócios ao Estado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions