A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Outubro de 2018

05/04/2010 16:55

Venda de veículos novos em MS bate recorde em março

Redação

Mato Grosso do Sul acompanhou o recorde histórico de comercialização de veículos novos no Brasil e registrou o melhor março da história. De acordo com dados da Fenabrave-MS (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), o volume de vendas de carros e utilitários zero quilômetro teve alta de 66, 31% em relação à fevereiro e de 36, 83% em relação à março de 2009. O crescimento acumulado no trimestre é de 22, 97% em relação ao mesmo período do ano passado.

Entre as justificativas para o recorde histórico está no fim do desconto no IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). Março foi o último mês da tarifa reduzida proporcionada pelo governo para os veículos zero quilômetro. Aplicada em dezembro de 2008, a medida teve como objetivo combater os efeitos da crise econômica global no setor.

A partir de abril a taxa passa de 3% para 5% no caso de automóveis com motorização até 1.0 flex e de 7,5% para 11% nos carros com motores entre 1.0 e 2.0 bicombustíveis ou movidos somente a etanol.

"Foi um mês com 23 dias úteis, ou seja, um mês longo. O fim do IPI também foi um fator que contribuíu para os recordes de vendas no mês", analisa o presidente da Fenabrave-MS, Luiz Antônio de Souza Campos.

Para manter o patamar nas vendas em abril e no restante do ano, as marcas devem manter as promoções, de acordo com a Fenabrave-MS. "As ofertas agora vão girar em torno da taxa de juros e dos prazos", resume Luiz Antônio.

Nacional

Dólar fecha em queda, cotado a R$ 3,71, de olho no cenário eleitoral
O dólar fechou a sexta-feira (19) em queda com o mercado ainda acompanhando o cenário eleitoral. A moeda caiu 0,26%, vendida a R$ 3,7125. Na semana, ...
Preço da gasolina cai 2% nas refinarias a partir de amanhã
A Petrobras anunciou hoje (19), em sua página na internet, que o preço do litro da gasolina ficará 2% mais barato em média nas refinarias de todo o p...
Índice que reajusta aluguel acumula inflação de 10,88% em 12 meses
O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), usado no reajuste de contratos de aluguel, subiu 0,97% na segunda prévia de outubro. A taxa é inferior ao 1...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions