A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

21/01/2014 10:39

Após dar errado com time caro, Águia Negra aposta em grupo "mais barato"

Helton Verão
Águia Negra mesmo com um investimento mais humilde, promete colocar em campo um time compeititivoÁguia Negra mesmo com um investimento mais humilde, promete colocar em campo um time compeititivo

O Águia Negra entrou na disputa do Campeonato Sul-Mato-Grossense para evitar o rebaixamento. É o tom do discurso do presidente Iliê Vidal e também do técnico Chiquinho Lima. O tricampeonato está em segundo plano, até terceiro, mas, quem sabe.

Vidal lembra que em 2013 um ‘alto’ investimento foi feito para a equipe chegar ao título, mas os planos foram por água abaixo e o clube quase acabou rebaixado na competição. Essa campanha está refletindo no interesse de investimentos para este ano. “Empolgado não tem como ficar em razão das dificuldades. O time do ano passado foi caro e não deu certo. Esse ano montamos um grupo menor, mais barato e menos famoso”, ressalta Iliê.

Apesar de dizer ter um orçamento humilde, o clube deverá ter uma folha salarial que chegará aos R$ 52 mil, de acordo com o presidente. Valor razoavelmente alto para os padrões do Estado. A Prefeitura Municipal de Rio Brilhante e o comércio local apoiam o clube.

Outro fator que desanima o presidente, é que o grupo em que o Águia Negra caiu, estão os clubes mais fortes da competição, afirma o presidente. “Tem o Ubiratan que vem forte, com bom investimento e entrosamento de sobra. O Naviraiense que está com a base do campeão do ano passado, pagando bem. Ou seja duas vagas das quatro já estão garantidas, iremos brigar pelas que sobrarem”, responde humildemente o presidente Vidal.

A aposta do presidente é no potencial do técnico Chiquinho Lima. “Apesar de novo, é um treinador moderno, muito bom taticamente. Apostamos nele, é amigo dos jogadores”, define o presidente.

Chiquinho, inclusive que tem uma história curiosa e bonita com o clube. Ele chegou em 2011 para atuar na lateral direita do Águia naquele ano.

Após seu terceiro jogo, se lesionou gravemente no joelho e foi obrigado ao encerrar a carreira. Até que veio a surpresa. A diretoria do clube o convidou para treinar as categorias de base. “De lá para cá consegui resultados significativos com os meninos da base, até que no ano passado assumi o profissional durante o Campeonato Brasileiro. Hoje me considero um cidadão riobrilhantense, minha filha nasceu aqui e sou muito feliz”, responde o maranhense Chiquinho.

Sobre o Estadual, Lima promete uma disputa com "responsabilidade". “Caiu muito o investimento que recebíamos. Vamos entrar primeiro pensando em fugir do rebaixamento. Conseguindo isso, o segundo passo é se classificar. Ano passado tivemos uma das maiores folhas do estado e quase fomos rebaixados”, explica o técnico.

No plantel, muitos jovens, média de idade de 23 anos. “Temos jovens que tiveram um bom começo no futebol e acabaram perdendo a confiança e espaço. Vamos ajuda-los na recuperação”, comenta Chiquinho.

O esquema tático, ele não esconde, gosta do 4-4-2 tradicional, com variação para o agora popular 4-2-3-1. Para Chiquinho os adversários mais difíceis pela frente serão o Ubiratan, Naviraiense e na próxima fase o Novoperário.

Encabeça a lista de atletas o bicampeão pelo Águia, o meia Rudson. Seguem no clube também, o lateral direito Jonatan, o atacante Matheus Rodrigues, o meia Jefferson Dias e o goleiro Lucas Romeiro.

Foram contratados os goleiros Góis, Alisson (ex-Operário-PR) e Helton (ex-Volta Redonda RJ); o lateral direito Alisson Cacheado (ex-Assu-RN) e o esquerdo Fabiano (ex-Bangu); os zagueiros Thiago Moura (ex-Itabuna BA) e Rafael Santos (ex-Inter de Lages SC); os meias Alex Farias (ex-Nova Iguaçu-RJ), Victor Hugo (ex-Friburguense-RJ), Cleber Santana (ex-Atlético Tubarão-SC); no ataque o veterano Marcelo Brás (ex-Rio Branco-AC).

“Podem esperar uma equipe veloz e competitiva”, avisa.

O Águia Negra estreou domingo (19) com vitória e derrotou o Urso na casa do adversário.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions