ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 22º

Esportes

Fluminense confirma força, bate Fortaleza, mas fecha o Brasileirão em quinto

Por Fabio Hecico | 25/02/2021 23:04
Comemoração do jogador Fred. (Foto: Lucas Merçon/FluminenseFC)
Comemoração do jogador Fred. (Foto: Lucas Merçon/FluminenseFC)

O Fluminense fez o seu papel no Maracanã e ganhou do Fortaleza, por 2 a 0. Apesar do resultado positivo, não conseguiu fechar o Brasileirão na quarta posição. A vaga direta à fase de grupos da Libertadores não veio por causa da vitória do São Paulo sobre o Flamengo. Fecha a competição em festa, contudo, pela ótima campanha e uma resposta positiva de quem iniciou sob desconfiança.

Ainda há esperança de o Fluminense não precisar passar pela fase prévia da Libertadores: o Palmeiras conquistar a Copa do Brasil, o que transformaria o G4 em G5. Para isso, vai ter de esperar até dia 7 de março.

Assim que pisaram no gramado do Maracanã, os jogadores do Fluminense viram um belo mosaico mostrando a satisfação da torcida com o desempenho no Brasileiro. #FECHADOSPELALIBERTADORES trazia a mensagem.

Já garantido na competição Sul-Americana, a meta era buscar a vitória diante dos cearenses para tentar ultrapassar o São Paulo e fechar em quarto lugar. Portanto, com vaga direta à fase de grupos.

Martinelli, que deixou a Vila Belmiro chorando uma entorse no tornozelo, se recuperou e estava entre os titulares. Na defesa, Diego Barcelos e Matheus Ferraz eram as novidades. A esperança, entretanto, estava no trio ofensivo formado por Lucca, Luiz Henrique e Fred.

Foi justamente o artilheiro e ídolo quem deu o primeiro motivo de alegria aos tricolores. Fred precisou finalizar duas vezes antes de marcar o primeiro gol no Maracanã. Cobrança de escanteio na cabeça do camisa 9, que parou em milagre do goleiro Felipe Alves. No rebote, ele não perdoou.

Com 20 minutos da rodada cheia e decisiva, o Fluminense subia para a quarta colocação, o que há algumas rodadas parecia impossível com o clube brigando apenas pela última vaga à Libertadores, então com o Corinthians, e atrás de São Paulo, Grêmio e Palmeiras.

Com vantagem em relação ao São Paulo, o Fluminense foi para o vestiário festejando. No descanso, porém, recebeu a notícia do gol de Luciano e vitória parcial dos paulistas. Voltava à quinta colocação.

Apesar da vantagem no placar, o Fluminense não foi bem nos primeiros 45 minutos. Tirando o lance de Fred, pouco ameaçou na frente e mostrou alguns problemas na defesa, sem Egídio e Nino.

Marcos Felipe salvou em lance com David cara a cara. O goleiro defendeu, espalmando para escanteio. Mesmo praticamente salvo da queda, os visitantes sonhavam com um resultado positivo na despedida do Brasileirão.

A volta para o segundo tempo foi com festa dupla. Bruno Henrique empatou no Morumbi e Matheus Ferraz aumentou para os cariocas. Mais um gol após cobrança de escanteio. Terceira mudança na classificação na luta pelo quarto lugar.

Com folga boa no placar e a marcação ajustada após o papo do vestiário, bastava administrar a vantagem para o Fluminense. E, no fim, saber o resultado do Morumbi. A equipe carioca tocou a bola de um lado para o outro, valorizou a posse e confirmou o triunfo por 2 a 0. Fez seu papel, mas não recebeu "ajuda" do rival Flamengo, que acabou perdendo o jogo, e conformou-se com o quinto lugar. Pablo foi o estraga prazeres ao garantir o triunfo dos paulistas no Morumbi.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário