A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

19/09/2010 19:25

Galo perde para o Vitória e mantém drama no Brasileirão

Redação

Depois de ter uma desvantagem de dois gols no placar, o Atlético Mineiro arrancou para o empate contra o Vitória e passou a sensação de que conseguiria um feito histórico neste domingo, em Sete Lagoas. Um gol salvador de Henrique, ex-São Paulo, porém, deu três pontos para os baianos, que deixaram a Arena do Jacaré com o triunfo por 3 a 2 com 10 jogadores em campo.

Naquele que foi praticamente o primeiro lance do jogo, Elkeson apareceu livre diante de Fábio Costa. Atabalhoado nesse tipo de lance, o goleiro atleticano derrubou o rival e ofereceu um pênalti para o Vitória. O colombiano Viáfara bateu bem e inaugurou o marcador já aos 4minutos.

O Atlético tentava partir ao ataque e abrir espaços, mas viu a tarde em Sete Lagoas ganhar contornos dramáticos aos 14 minutos de jogo: Henrique bateu cruzado da direita, Cáceres ficou olhando e Egídio, livre, chutou por baixo de Fábio Costa.

O time da casa se mandou definitivamente para o ataque. A pressão atleticana foi se intensificando até os 26 minutos, quando Anderson Martins derrubou Serginho e, por já ter cartão amarelo, acabou expulso. Daniel Carvalho, antes do intervalo, deu esperança ao Galo. Aos 42 minutos bateu de fora da área, de direita, e viu a bola desviar na zaga e enganar Viáfara.

Luxemburgo então foi ousado e realizou duas trocas aos 15 minutos entraram Diego Souza e Joedson nos lugares de Serginho e Ricardinho. As mudanças deram resultado e o gol atleticano não demorou a sair.

Em jogada com três atletas que passaram pelo Vitória, o Atlético empatou. Leandro foi ao fundo e cruzou na medida para Obina, que escorou para o gol exigiu defesa milagrosa de Viáfara. O colombiano só não evitou que Neto Berola, embaixo da trave, empurrasse para dentro.

Parecia se encaminhar a virada do Atlético, mas um gol inesperado colocou tudo por água abaixo. Diego Souza até havia ameaçado de cabeça, mas o Vitória arrancou para o triunfo: Schwenck dominou de costas para a marcação e ajeitou para Henrique, que invadiu a área, bateu e marcou.

O Atlético seguirá mais uma rodada dentro da zona do rebaixamento, na 17ª posição, com apenas 21 pontos. Vencedor no confronto direto contra a queda, o Vitória tem agora 28 pontos e encerrou um jejum de seis jogos sem triunfo, abrindo boa vantagem sobre os últimos colocados (Reportagem do Terra).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions