A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

17/11/2013 14:20

Piloto argentino fica em terceiro e conquista bicampeonato na Capital

Leonardo Rocha
Capital sedia sétima etapa da Moto 1.000 GP no Autódromo Internacional (Foto: Marcos Ermínio)Capital sedia sétima etapa da Moto 1.000 GP no Autódromo Internacional (Foto: Marcos Ermínio)

O piloto argentino Luciano Ribodino, da equipe Alex Barros Racing, ficou em terceiro colocado na sétima etapa da Moto 1.000 GP em Campo Grande e se sagrou bicampeão da competição.

O evento foi disputado hoje no início da tarde, no Autódromo Internacional de Campo Grande e contou com um público de 20 mil pessoas.

“Fiz uma corrida pensando no campeonato, como a pista estava muito quente e escorregadia preferi se manter e chegar até o final”, destacou o campeão.

O vencedor da prova foi outro argentino, Diego Pierluigi, da Petronas Erobike Team, que ressaltou que a corrida foi muito boa e que por sorte não houve chuva. “A pista estava quente e patinava muito, esperava apenas vencer e encerrar a corrida”.

A terceira colocação ficou com o brasileiro, Wesley Gutierrez, da equipe Motonil Motors, que elogiou a equipe pela ótima prova e pelo ritmo forte empregado na disputa. “Estou satisfeito e feliz por todos terem acreditado no meu trabalho”.

Público – De acordo com a organização da prova, cerca de 20 mil pessoas foram prestigiar o evento na Capital, houve elogio a reforma feita na pista para receber a sétima edição da Moto 1.000 GP, além do ótimo público que prestigiou o evento

“Deveria vir mais eventos como este, aqui na cidade as competições estão meio paradas, espero que venha várias competições deste nível”, destacou o estudante Wellington Silva Benites, de 18 anos.

Já Bruno Bronzone, 20, ponderou que estas competições agitam a galera que muitas pessoas gostam de automobilismo na Capital. “Só é preciso investir mais para trazer as grandes corridas, pois a pista está de parabéns”.

O empresário Sérgio Fenelon, 36, destacou que além das disputas de motos os eventos de carros, como a Stock Car faria muito sucesso no Autódromo Internacional. “Só resta melhor o espaço para assistir”.

O estudante Álvaro Ramos, 21, apenas fez uma recomendação para que no espaço de camarote houvesse uma pequena arquibancada. “As pessoas ficam amontoadas para assistir e as crianças não conseguem ver a corrida direito”.

Na saída do evento, um cadeirante não encontrou uma pista adequada para descer da área do camarote e teve que ser carregado pelos amigos e descer por uma escada estreita que dá acesso a saída.

Largada quase contou com a companhia da chuva, porém esta não atrapalhou a corrida (Marcos Ermínio)Largada quase contou com a companhia da chuva, porém esta não atrapalhou a corrida (Marcos Ermínio)
Apesar de ficar na terceira colocação, Ribodino comemorou o bicampeonato (Foto: Marcos Ermínio)Apesar de ficar na terceira colocação, Ribodino comemorou o bicampeonato (Foto: Marcos Ermínio)
Luciano Ribodino garante a pole da GP 1000 em Campo Grande
Líder da temporada e em busca de seu segundo título consecutivo no Moto 1000 GP, Luciano Ribodino, da Alex Barros Racing, garantiu a pole-position no...
Comercial fica só no empate e é eliminado pela Seduc no Sub-17
O Comercial foi eliminado do Estadual Sub-17 ao empatar em 1 a 1 com o Seduc, na tarde deste sábado (16) em Campo Grande, no estádio Olho do Furacão....


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions