A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

02/09/2010 13:03

STJD absolve Madureira e acaba com esperanças do Cene

Redação

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) absolveu na noite de ontem (1º de setembro) o Madureira, do Rio de Janeiro, e tirou do Cene a esperança de continuar participando do Campeonato Brasileiro da Série D.

O time carioca foi acusado pelo Cene de ter escalado o atleta Wesley Dionísio Monteiro em três partidas do Brasileiro da Série D sem que seu nome estivesse devidamente documentado no Boletim Informativo Diário Eletrônico (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

De acordo com o regulamento da CBF, só podem participar de campeonatos profissionais atletas registrados na Delegacia Regional do Trabalho e no BID publicado até o último dia útil antes da partida. A punição em casos como este é o da perda dos pontos relativos a uma vitória em cada jogo em que o atleta irregular foi escalado.

O STJD, porém, acatou o argumento do advogado do Madureira, Mário Bittencourt, que garantiu que a CBF enviou a documentação com a denúncia para o julgamento do STJD com atraso. O prazo para a entrega, que era de três dias, se arrastou por longos 25 dias.

Ele lembrou a decisão da Quarta Comissão do Tribunal sobre um processo da Copa do Brasil feminina do ano passado, que acolheu a preliminar. Com esse fundamento, ele pediu a decadência do processo, ou seja, a CBF pediu uma punição fora do prazo.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions