A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018

20/07/2014 09:12

Time com "megaestrutura" sonha com título da Copa SP de 2020

Helton Verão
O Grêmio Santo Antônio é composto por uma equipe técnica completa: técnico, técnico de goleiro, auxiliares técnicos, fisioterapeuta, nutricionista e psicólogo.
O Grêmio Santo Antônio é composto por uma equipe técnica completa: técnico, técnico de goleiro, auxiliares técnicos, fisioterapeuta, nutricionista e psicólogo.
Juninho em ação pelo Grêmio Santo AntônioJuninho em ação pelo Grêmio Santo Antônio
Pedro é atacante e promete dedicação na escola e no futebol para chegar a disputa da Copa SP de futebol JúniorPedro é atacante e promete dedicação na escola e no futebol para chegar a disputa da Copa SP de futebol Júnior

Com planejamento em longo prazo e muita organização, um clube recém-criado na Capital almeja fazer história. Trabalhando com o plantel de 28 jovens jogadores de 11 e 12 anos, o Grêmio Santo Antônio pretende formar um time campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2020/2021.

Criado em abril de 2013, pelo empresário Fernando Caneppele, o projeto social busca oferecer tudo que um grande time dispõe na formação do atleta. “Temos muitas crianças que desejam ser profissionais e acabam tendo que sair do Estado ou abandonando este sonho. Então decidimos montar um time em que elas pudessem receber todo o apoio para alcançar esse objetivo”, explica o diretor do time.

O Grêmio Santo Antônio tem equipe completa: técnico, técnico de goleiro, auxiliares técnicos, fisioterapeuta, nutricionista e psicólogo.

E no projeto, não basta só ter vontade de ser jogador de futebol, tem que ter bom desempenho na escola. “Eles se aplicam mais na escola, acaba nos ajudando, na cobrança por boas notas. Pois quem não tem nota boa eles sabem que não podem participar”, conta Solene Morais, 46 anos, a mãe do lateral direito Juninho Morais.

Em breve, o Grêmio Santo Antônio irá inaugurar sua escolinha, onde os atletas que não estiverem bem na escola podem acabar sendo “rebaixados”. E a partir daí ele perderá a gratuidade, já que esta escolinha exige o investimento em dinheiro. Os alunos da escolinha, dependendo do seu desempenho também podem garantir o acesso no time e não precisar mais pagar a escolinha.

O lateral Juninho, 12 anos, conta que conheceu o projeto através do filho do idealizador, Fernando. “Não queria ser lateral, talvez ser meio de campo, mas por opção do treinador fui mudado de posição e hoje gosto. Sonho em jogar time grande, no São Paulo ou no Real Madrid”, almeja o garoto.

Outro destaque do time, o atacante Pedro Henrique, também de 12 anos, conta que já treinava na escola com seu professor Kleiton Queiroz quando recebeu o convite. “Sempre quis ser atacante, caio mais para as pontas. Vou fazer de tudo pra seguir nesse grupo até a Copa São Paulo”, responde o menino, que sonha jogar no Flamengo e no Real Madri.

O treinamento é realizado três vezes por semana, no campo do Poliesportivo Dom Bosco. Além de toda estrutura, o Grêmio Santo Antônio participa de competições e participa de amistosos mensalmente. Já estão em negociação amistosos com os times grandes de primeira divisão do Brasil.

Os interessados em inscrever o filho na seleção para a escolinha, devem entrar em contato com o número (67) 9297-3839.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions