A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 15 de Setembro de 2019


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


21/08/2019 06:00

“Pai” do ET Bilu agora é cidadão campo-grandense

Marta Ferreira e Leonardo Rocha
Urandir é novamente tema de polêmica. Na foto, recebe honraria da Assembleia Legislativa. (Foto: Arquivo)Urandir é novamente tema de polêmica. Na foto, recebe honraria da Assembleia Legislativa. (Foto: Arquivo)

Dia de festa - A sessão solene hoje na Câmara Municipal tem relação de peso para a entrega de Títulos de Cidadão Campo-Grandense, Títulos de Cidadão Benemérito e Medalhas do Mérito Legislativo. Na relação estão o prefeito Marquinhos Trad, o governador Reinaldo Azambuja, a ministra Tereza Cristina Corrêa da Costa e o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Paulo Corrêa.

Pai do ET - Mas novamente um dos homenageados virou polêmica. O vereador Antônio Cruz indicou o criador do projeto Portal, “pai do ET Bilu”, Urandir Fernandes de Oliveira para receber o Título de Cidadão Campo-grandense. Ao saber da escolha, o ufólogo e arqui-inimigo dele, Ademar Gevaer, enviou nota em protesto, como fez quando a Assembleia também resolveu homenagear Urandir.

Obreiros - Nesta semana a Câmara está inspirada. Outra sessão solene foi em comemoração ao Dia do Obreiro Evangélico, proposta pelo vereador Jeremias Flores. A data foi instituída por Lei Municipal de 2014 d é celebrada no 3º domingo do mês de agosto.

Sonho antigo - O projeto de transformar o Hotel Campo Grande em 117 moradias populares é um sonho antigo do prefeito Marquinhos Trad (PSD). Segundo o vereador Carlos Augusto Borges (PSB), o chefe do Executivo já falava de ocupação vertical desde antes de entrar na vida política, quando ainda era anônimo. "Desde 1999, eu ouvia ele falar disso”, conta.

Aplaudido - Para se posicionar contra o projeto que proibia o uso da tribuna por sindicatos, o deputado João Henrique Catan (PL) se empolgou no discurso, fazendo várias citações de políticos e personalidades famosas. Ele lembrou desde Nelson Mandela, ao cantor Roberto Carlos, passando pelos ex-presidentes Winston Churchill e Juscelino Kubitschek. "Um dia quando foi vaiado em um auditório, Juscelino disse que grande era a nação que permitia que o povo pudesse vaiar o seu presidente. Depois de dizer isto, ele saiu aplaudido", citou.

Abusaram? - Para Rinaldo Modesto (PSDB) a polêmica sobre o "uso da tribuna" ocorre porque houve "excessos" de algumas pessoas que usaram o local para defender interesses particulares ou fazer propagandas de eventos. "Algumas vezes até vereadores fazerem discursos sobre temas que são dos deputados". Para o tucano os sindicatos e associações devem ter espaço nas comissões e audiências, mas não na hora das sessões.

Didático - O deputado José Carlos Barbosa (DEM) disse que a Assembleia Legislativa também precisa ter sua função "didática", para explicar para a população como funcionam as comissões e votações dos projetos. "Na CCJR por exemplo, as pessoas precisam entender que os votos são pela legalidade da matéria e não em relação ao mérito", justificou o democrata.

Exemplo - Em semana de Jogos Radicais Urbanos e largada do Rally dos Sertões em Campo Grande, o lado gestor do diretor-presidente da Funesp (Fundação Municipal de Esportes), Rodrigo Terra, deu lugar ao lado atleta. De mochila nas costas, ele foi visto pedalando na ciclovia da Avenida Afonso Pena, próximo ao cruzamento com a Rua Bahia, por volta das 15h de ontem.

Formação - Terra é doutor em Ciências do Exercício e do Esporte pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Antes de ingressar na gestão pública, o diretor-presidente da Funesp foi treinador de caratê.

Esqueceram de mim - Mais de 10 dias depois, ainda está em Corumbá Alex Sandro Peixoto, preso em Corumbá, em um barco-hotel, sob acusação de golpes de mais de R$ 1 milhão em Minas Gerais. Uma das vítimas é o ex-governador daquele estado Newton Cardoso. A Polícia mineira ainda não veio busca-lo e não há prazo para isso.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions