A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

02/02/2017 06:40

Construído com peças antigas, móvel industrial tem de belo o que tem de história

Paula Maciulevicius
Luminária feita a partir de dormente de trilhos. Luminária feita a partir de dormente de trilhos.

Depois de anos trabalhando na empresa de acabamentos sofisticados da família, os tempos de crise, como atribui Lennon, fizeram com que ele se reinventasse. Há pouco mais de dois meses, a indústria do pai virou galpão para ele construir a partir de peças antigas, um mobiliário do passado, resistente e carregado de história.

"Eu queria fazer um produto meu, sempre gostei muito de antiguidades", explica Lennon Caporlingua  Bartollo, de 35 anos. Para chegar ao resultado do que vem sendo muito procurado lá fora, os móveis industriais, ele agregou duas formas: a metalurgia ao vintage.

"Para fazer esse produto em si é a serralheria mais bruta de indústria e o vintage, o antigo design industrial. É uma linha de pensamento e de produção que existe lá fora e é muito valorizada nos Estados Unidos e Inglaterra", explica.

Mesinha. Mesinha.
Armário cofre. Armário cofre.
Outro exemplo de armário cofre. Outro exemplo de armário cofre.
Suporte de capacete. Suporte de capacete.

De forma ainda modesta, ele conta que a repercussão das peças tem sido boa. "Pego muito referências de internet. O móvel industrial é uma peça que você pode construir 100% do zero ou com elementos e peças antigas, por exemplo: usar um pé de máquina de costura e transformar numa mesinha de centro ou luminárias daquelas de dentro da indústria, mas que hoje cabe na construção de um restaurante", enumera.

O trabalho artesanal agrega à peça exclusividade juntando construção civil e os detalhes de um bom acabamento. Em geral, Lennon usa cerâmica, vidro, aço e madeira. "São elementos fundamentais e que você vai usar em qualquer lugar na indústria e na construção civil", completa.

Os móveis podem funcionar também como um resgate à infância, como uma mesa onde o avô trabalhava que agora é repaginada. "Tem cliente que vem com a ideia pré-concebida, do que quer e tem ambiente que a gente tem que customizar mais ainda a peça", conta.

Cadeira e mesa. Cadeira e mesa.
Trabalho exige disposição para ir atrás de material. Trabalho exige disposição para ir atrás de material.

Um dos produtos que saíram do galpão, foi o dormente de trilho de trem, que acabou virando luminária. Alguns dos materiais são mais difíceis de serem encontrados, por isso o preço pode chegar, no caso da luminária, a R$ 1,6 mil. "São pelas com valor histórico muito agregado", frisa Lennon.

E o perfil de quem adquire, segundo Lennon é uma turma mais nova, ainda não tão apegado à construção de uma arquitetura contemporânea e sim na forma simples de se fazer as coisas. "São móveis que se adaptam muito bem por serem bonitos e fortes".

Alguns dos produtos que já saíram da indústria foram armários, cofres mesinha de centro e cadeiras. Para conhecer de perto o trabalho de Lennon, procure: Bartollo's Indústria Metalúrgica no Facebook.

Curta o Lado B no Facebook

 

Armário. Armário.
Luminária dá outro efeito ao ambiente. Luminária dá outro efeito ao ambiente.
Mesinha de centro. Mesinha de centro.


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.