ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 26º

Sabor

Bem pantaneiro, Luiz cria bolo de onça pra combinar com cafezinho

No Jóquei Clube, uma casa de bolos, a Pedacinho do Céu, criou um bolo cuja decoração remete à onça pintada

Por Lucas Mamédio | 02/10/2020 07:54
Bolo de onça custa R$ 15 no tamanho maior (Foto: Paulo Francis)
Bolo de onça custa R$ 15 no tamanho maior (Foto: Paulo Francis)

Já imaginou comer de sobremesa uma onça? Calma jovem, é uma onça que pode e deve ser comida. No Jóquei Clube, uma casa de bolos, a Pedacinho do Céu, criou um bolo cuja decoração remete ao felino mais perigoso e famoso do Pantanal.

A paixão do criador, Luiz Mendonsa Ramirez, por bolos começou por conta da irmã, que faleceu de câncer há alguns anos. “Tenho 40 anos, boa parte da minha vida trabalhei como impressor serigráfico, mas sempre envolvido com minha irmã, que sempre trabalhou nessa área (de bolos)”.

Segundo Luiz, a técnica já existe há algum tempo (Foto: Paulo Francis)
Segundo Luiz, a técnica já existe há algum tempo (Foto: Paulo Francis)
Luiz começou a fazer bolos duarnte a pandfemia (Foto: Paulo Francis)
Luiz começou a fazer bolos duarnte a pandfemia (Foto: Paulo Francis)

Mesmo em outra área, Luiz tinha o sonho de fazer gastronomia, mas não havia essa faculdade em Campo Grande até pouco tempo. “Então quando abriu me inscrevi e dei início ao meu sonho. Fui parado por uma forte depressão, mas venci e retornei meus estudos”.

Em 2019 Luiz foi para Maringá, onde apresentou um projeto científico intitulado “gastronomia molecular na cozinha hospitalar”. “Minha finalidade era trazer bem estar as pessoas encapsulando sabores para um pequeno aconchego em uma hora difícil”.

Luiz diz que apesar dop bolo de onça ter feito sucesso, os pedidos ainda estão "engatinhando" (Foto Paulo Francis)
Luiz diz que apesar dop bolo de onça ter feito sucesso, os pedidos ainda estão "engatinhando" (Foto Paulo Francis)

A ideia da casa de bolos surgiu quando Luiz voltou da cidade paranaense. “Iniciei o projeto de reforma do salão e aos poucos fui comprando os maquinários. Decidi abrir então no dia 17 de abril, a cidade parada por conta da pandemia, mesmo assim encarei o desafio é venho correndo atrás do meu sonho todos os dias”.

Já a ideia do “bolo de onça” surgiu a pouquíssimo tempo, a menos de uma semana. A técnica, que já existe em outros lugares do Brasil, não é tão complicada pra quem é profissional do mundo dos bolos, mas impressiona pela semelhança com a pele da onça.

“Esse bolo está estreando essa semana, mas as prévias dele no Instagram e Facebook foram muito boas, renderam bons elogios. E a ideia é sempre inovar, mas trazendo de volta algumas boas lembranças aos meus clientes como sabor e até mesmo na simplicidade da embalagem. A onça é um animal símbolo do Pantanal, do nosso Estado, por isso achei que seria bacana fazê-lo”, explica Luiz.

Os bolos de Luiz, todos, inclusive o de onça, têm apenas dois preços: o baby que custa R$5,00 e o normal que custa R$15,00. “Faço assim porque acho que fica acessível a todo”.

Para Luiz, “o bolo não pode ser definido apenas como um pedaço de massa, bolo significa Afeto, lembranças, carinho, amor e esses são os principais ingredientes. Fazer bolos e levar a felicidade às pessoas”.

Mais infomações e pedidos podem sere feitos pelo Whats (67) 9170-1702.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário