ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SÁBADO  23    CAMPO GRANDE 28º

Sabor

Casal quer enlouquecer cliente com trouxa “italiana” sem dó de recheio

De dar água na boca, Rogério e Cristiane se encontraram na especialidade dos salgados após ver renda sumir devido à pandemia

Por Lucas Mamédio | 12/01/2021 07:01
Rogério e Cristiane com trouxa pronta para entrega (Foto: Paulo Francis)
Rogério e Cristiane com trouxa pronta para entrega (Foto: Paulo Francis)

Pensa em fazer uma trouxinha de massa artesanal, botar tudo que é gostoso dentro e assar, não tem como dar errado. Pois é, foi essa a ideia do casal Rogério Mendonça Badinelli, de 58 anos, e Cristiane Auxiliadora do Nascimento, 47, para atenuar os efeitos da crise financeira causada pela pandemia.

O casal de empresários possui uma empresa que promove grandes feiras agropecuárias, mas, com advento do novo coronavírus, viram seus eventos impraticáveis e por consequência a renda sumir.

Cristiane com uma ptrouxa logo após sair do forno (Foto: Paulo Francis)
Cristiane com uma ptrouxa logo após sair do forno (Foto: Paulo Francis)
As trouxas são recheadas com pelo menos cinco sabores (Foto: Reprodução)
As trouxas são recheadas com pelo menos cinco sabores (Foto: Reprodução)

Angustiados com as contas que, ao contrário dos eventos, não sumiram, só cresceram, eles decidiram despretensiosamente vender pães italianos e trouxas italianas, como chamam, artesanais.

“Cristiane um dia fez um pão italiano, uma receita que ela nunca tinha feito, e quando eu comi achei tão gostoso e disse “poxa, isso vende”, e daí começamos a pensar em comercializar”, explica Rogério, gaúcho que mora em Campo Grande há 29 anos.

No mês de abril de 2020, já com vários decretos que impediam eventos, o casal criou a Pão D’Itália, que vendia, até então, apenas pão italiano. Um mês depois, por sugestão de um internauta, eles chegaram na receita das trouxas.

A ideia surgiu a partir da caçarola italiana (Foto: Paulo Francis)
A ideia surgiu a partir da caçarola italiana (Foto: Paulo Francis)

“Um rapaz sugeriu fazermos caçarola italiana, fomos pesquisar o que era e por alguma providência divina aquilo foi nos levando a ideia da trouxa”.

Elas são recheadas com vários sabores. Tem de presunto, calabresa e frango, de filé mignon, peito de peru defumado, carne seca e duas doces: de Romeu e Julieta e churros. Os valores variam de R$ 25,00 a R$ 35,00.

Os pães italiano possuem os mesmo sabores, sem as opções doces e com recheio de carne seca. Os valores vão de R$ 20,00 a R$ 30,00.

Mas o primeiro produto foram os pães italianos (Foto: Reprodução/Instagram)
Mas o primeiro produto foram os pães italianos (Foto: Reprodução/Instagram)

Rogério conta que as vendas estão indo muito bem, principalmente por conta do boca a boca. “Estamos conseguindo trabalhar, pagar nossos credores, estamos muito felizes com essa saída encontrada”.

A produção toda é feita na casa deles, no bairro Rita Vieira. As vendas são apenas delivery. “A pessoa escolhe o sabor e horário que ela quer, a gente assa e já envia. Nossa proposta é essa: do forno direto para a mesa do cliente”.

Os canais de venda são o Instagram e o WhatsApp.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário