ACOMPANHE-NOS    
ABRIL, QUARTA  01    CAMPO GRANDE 25º

Sabor

Jardim virou café charmoso, com escadaria que todo mundo quer tirar foto

Espaço é novo roteiro do bairro Monte Líbano para quem gosta de charme na hora de tomar café

Por Thailla Torres | 15/02/2020 09:05
Silvio e a mãe Rita de Cássia, donos da padaria e café. (Foto: Marcos Maluf)
Silvio e a mãe Rita de Cássia, donos da padaria e café. (Foto: Marcos Maluf)

Acostumados com manutenção de sistemas computacionais e software, o acadêmico de Análise de Sistemas que encara a cozinha há poucos meses finalmente diz que encontrou um lugar para fazer o que gosta.

No bairro Monte Líbano, todos os dias, ele abre as portas do café Padarita para vender doces, pães, cafés e experiência, já que o estrutura oferece ambiente charmoso para ler um jornal ou compartilhar do aroma de café com os amigos.

É difícil achar a recém-aberta padaria (para quem não costuma usar GPS). Mas vale procurar. A porta de madeira e ferro com quase três metros de altura chama atenção. Até chegar ao balcão você caminha por um lugar espaçoso, nada parecido com os cafés pequenininhos. De cara, entende-se que a escadaria de ferro forjado reina na decoração. “Tem gente que vem aqui só para tirar foto na escada”, conta o proprietário Silvio Augusto Franco Junior, que recentemente autorizou até editorial de vestido de noiva na escadaria.

Local é espaçoso e bem decorado. (Foto: Marcos Maluf)
Local é espaçoso e bem decorado. (Foto: Marcos Maluf)
Escadaria é o chama atenção do público. (Foto: Marcos Maluf)
Escadaria é o chama atenção do público. (Foto: Marcos Maluf)
Carolinas fresquinhas estão todos os dias na vitrine. (Foto: Marcos Maluf)
Carolinas fresquinhas estão todos os dias na vitrine. (Foto: Marcos Maluf)

A casa existe há mais de 20 anos. Mas não como padaria. Ali funcionava a área de lazer da residência da família que segue morando ao lado. Depois de uma reforma, Silvio e a mãe Rita de Cássia eliminaram a piscina para a criação da padaria.

Antes de ele continuar a história, responde a pergunta que muita gente tem feito desde os primeiros dias de funcionamento. “Como teve coragem de abrir o estabelecimento no mesmo bairro de uma das padarias mais tradicionais da cidade, a Monte Líbano?”. Silvio não se opõe à resposta. “Já estou acostumado a responder”, ri. “O nosso foco é outro, é proporcionar uma experiência de café, de aconchego, para que ele fique horas curtindo”, explica.

Ao lado da mãe, advogada e agora empresária, ele fala do sonho de cozinhar e investir nos sabores. “Minha mãe sempre foi uma mulher muito guerreira. Trabalhou muito para investir nos estudos dos filhos, inclusive, apostou alto no nosso conhecimento e formou os três. Depois que ela ajudou minhas irmãs na abertura de um consultório, ela decidiu me ajudar neste sonho”.

Lugar ganhou decoração de ferro. (Foto: Marcos Maluf)
Lugar ganhou decoração de ferro. (Foto: Marcos Maluf)
Cafés são servidos todos os dias. (Foto: Marcos Maluf)
Cafés são servidos todos os dias. (Foto: Marcos Maluf)

Orgulhosa do filho, Rita não abre mão de estar na padaria todos os dias para atendimento e auxílio na administração. “Era o sonho dele, no começo a gente ficou em dúvida e pensou: será que vai dar certo? Mas não tivemos medo de arriscar e estamos admirados com o resultado”, diz a mãe.

O cardápio é típico de padaria. Pão feito na hora, bolos, doces, salgados e sanduíches. Com opções para comemoração, quem chega ao local pode pedir cento de salgadinho que é frito na hora. “Muita gente tem vindo para confraternizar”, afirma. “Há uma mesa grande de madeira para quem quiser ficar mais próximo e lembra muito o aconchego de casa”, diz Silvio.

O lugar abre todos os dias. Quem quiser conhecer, o horário de funcionamento é das 6h às 20h de segunda a sábado e das 6h ao meio dia aos domingos. O endereço é Rua da Liberdade, 1141, Monte Líbano.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563 (chame agora mesmo).

É difícil achar a recém-aberta padaria (para quem não costuma usar GPS). Mas vale procurar. (Foto: Marcos Maluf)
É difícil achar a recém-aberta padaria (para quem não costuma usar GPS). Mas vale procurar. (Foto: Marcos Maluf)