A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

24/02/2014 19:58

Anastasia defende prova para servidor ganhar promoção e privatização de rodovias

Lidiane Kober
Governador de Minas palestrou na Fiems sobre gestão pública (Foto: Marcos Ermínio)Governador de Minas palestrou na Fiems sobre gestão pública (Foto: Marcos Ermínio)

Em palestra, nesta segunda-feira (24), em Campo Grande, o governador de Minas Gerais Antonio Anastasia (PSDSB) defendeu “processo de certificação” do servidor para virar comissionado e afirmou que o Governo Federal “demorou” para conceder rodovias estratégicas à iniciativa privada.

Para o tucano, a mania de “nomear” atrapalha uma gestão eficiente. “Vamos diminuir o poder dos políticos, ou seja, a autoridade pode nomear, mas dentro daqueles servidores que tenham condições de exercer aquele cargo”, defendeu. Neste ele, o caminho seria abrir provas para o servidor concorrer à promoção.

Anastasia ainda considera necessário enxugar o quadro nacional de comissionados. “Há espaço para redução de cargos comissionais na esfera federal, como muitos estados já fizeram”, avaliou.

Ao mesmo tempo, ele defendeu parcerias com a iniciativa privada. “A concessão ao setor privado é fundamental, nós temos várias formas de parcerias, acho que o Governo Federal fez isso de forma atrasada, demorou, mas felizmente entrou nesse setor e sabemos que as concessões são fundamentais”, disse. “Já que não há recurso do Tesouro Nacional para investir nas estradas, o setor privado faz”, completou.

Em Mato Grosso do Sul, a União vai entregar a BR-163 à iniciativa privada em troca de pedágio de R$ 4,36. Por este motivo, a Governo Estadual também lançou plano de privatização de outras 11 rodovias.

Para o governador de Minas, o Brasil perde por não ter estrutura logística. “De que adianta ter uma das maiores produções, se faltam boas rodovias e portos para escoar; de que adianta atrair turistas se não há aeroportos para os receberem”, comentou.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions