A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

08/09/2012 10:01

Campanha nas 4 maiores cidades de MS já custa quase R$ 1 milhão

Fabiano Arruda

A disputa para prefeito nas quatro maiores cidades de Mato Grosso do Sul soma R$ 991,2 mil a menos de 30 dias para as eleições, segundo números informados pelos candidatos à Justiça Eleitoral na segunda parcial da prestação de contas.

Dourados concentra o maior volume de gastos: R$ 323,3 mil. O prefeito Murilo Zauith (PSB), que busca a reeleição, informou despesas de R$ 206,6 mil. Em seguida aparece Keiliana Fernandes (PSC) com R$ 116,6 mil.

Em Ponta Porã, os três candidatos à Prefeitura investiram R$ 282 mil. Quem mais gastou até agora foi Hélio Peluffo, do PSDB, com R$ 224,6 mil, seguido de Ludimar Novais (PPS), com R$ 37,2 mil, e Alvaro Soares (PR) com R$ 17 mil.

Em Três Lagoas, o custo da campanha a prefeito totaliza R$ 201,2 mil. O maior gasto é da prefeita Marcia Moura (PMDB), que busca a reeleição, com R$ 189,2 mil, seguida de Luiz Antonio Martins (PRP) com R$ 6,6 mil e Angelo Guerreiro (PSD), que declarou despesas que somam apenas R$ 5,3 mil até agora.

E em Corumbá, os valores pagos pelos candidatos totalizam R$ 184,5 mil, segundo os números disponíveis no TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

A campanha mais cara é do candidato do PT, Paulo Duarte, com R$ 178,8 mil. Em segundo aparece Solange Oliveira, do PMDB, que informou à Justiça Eleitoral ter apenas R$ 5,7 mil em gastos até agora.

Comparação - Comparada com os números contabilizados pela corrida à Prefeitura de Campo Grande, a campanha em Dourados, Ponta Porã, Três Lagoas e Corumbá é pelo menos cinco vezes mais barata.

Os recursos investidos pelos candidatos nos quatro municípios ainda são mais que três vezes inferiores aos valores pagos pelo candidato do PMDB na Capital, Edson Giroto.

Ainda na comparação, são pouco menos da metade do que foi gasto pelo candidato do PSDB em Campo Grande, Reinaldo Azambuja.



se fizessem uma campanha simples e doassem todo esse dinheiro pra instituiçoes de caridade toda a sociedade ganharia, sou a favor que proprio governo financie as campanhas politicas, isso quebraria o compromisso que os politicos eleitos tem com a afonte do dinheiro.
 
claudenir arlindo anderson de angelo em 08/09/2012 10:46:46
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions