A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018

04/01/2011 16:01

Campanha extemporânea em Dourados poderá custar quase R$ 5 milhões

Paulo Fernandes

Pelos tetos estipulados pelos comitês financeiros, os quatro pré-candidatos a prefeito de Dourados poderão gastar até R$ 4,8 milhões na campanha eleitoral pela prefeitura.

O valor não é uma previsão de gasto, mas um limite estipulado por eles mesmos de quando poderão gastar na eleição.

O maior teto é o do PMN, do candidato professor Antonio Valeretto, de R$ 2,5 milhões.

Na sequência aparece o sindicalista Geraldo Sales (PSDC), com teto de R$ 1,5 milhão e Murilo Zauith (DEM), com limite de R$ 1 milhão.

A previsão mais modesta é do candidato do PSOL, José Araújo, de R$ 200 mil. As informações são do site Dourados News.

Hoje é o último dia para coligações e partidos entregarem o requerimento de registro de candidatura.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions